Pedido de vista adia análise de declaração de Eduardo Bolsonaro sobre o AI-5

Partidos alegam quebra de decoro e pedem a cassação do mandato de Eduardo


0
Foto: Marcelo Camargo / Arquivo / Agência Brasil

Um pedido de vista conjunto ( adiou nesta segunda-feira (5) a análise do Conselho de Ética da Câmara sobre declarações do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) a respeito do AI-5.

O deputado, filho do presidente Jair Bolsonaro, afirmou em uma entrevista no canal do YouTube da jornalista Leda Nagle, em outubro de 2019, que, se a esquerda “radicalizar” no Brasil, uma das respostas do governo poderá ser “via um novo AI-5”.

Relator do caso, o deputado Igor Timo (Pode-MG) votou pelo arquivamento, por entender que não há justa causa para a continuidade do processo.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui