Pequim registra 1º caso de Covid em quase 6 meses

Confira as informações do programa Correspondente Independente do meio-dia


0
Chineses fazem fila para testes de Covid-19 em em Nanjing, na província de Jiangsu, no leste da China, em 28 de julho de 2021 (Foto: Li Bo/Xinhua via AP)

A China confirmou mais 49 infectados de Covid-19 nesta quinta-feira (29), uma queda em relação aos últimos dias, mas registrou casos em mais três províncias — e o primeiro na capital Pequim em quase seis meses. O novo surto tem sido impulsionado pela variante delta e começou no dia 20 em Nanquim, cidade no leste do país e próxima a Xangai, e está se espalhando pelo país. A variante foi detectada inicialmente em nove funcionários do aeroporto da cidade, que é a capital da província de Jiangsu, e já são 175 casos relacionados ao surto. G1

Brasil gerou 1,5 milhão empregos formais no primeiro semestre, diz governo

O Ministério do Trabalho e Previdência informou nesta quinta-feira (29) que a economia brasileira gerou 1,5 milhão de empregos com carteira assinada no primeiro semestre deste ano. Os dados constam do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). No mesmo período do ano passado, o país havia fechado 1,19 milhão de vagas formais de trabalho. A comparação dos números com anos anteriores a 2020, segundo analistas, não é mais adequada porque o governo mudou a metodologia do Caged no início do ano passado. G1

Pazuello depõe à PF em inquérito que apura se Bolsonaro cometeu prevaricação

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello chegou à Polícia Federal em Brasília por volta das 9h45 desta quinta-feira (29) para prestar depoimento no inquérito que investiga se o presidente Jair Bolsonaro cometeu crime de prevaricação no caso Covaxin. O crime de prevaricação consiste em um agente público atrasar ou deixar de agir de acordo com as obrigações do cargo para “satisfazer interesse ou sentimento pessoal”. Em depoimento à CPI da Covid, o deputado Luis Miranda (DEM-DF) e o irmão dele, Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde, disseram ter informado a Bolsonaro as suspeitas de irregularidades envolvendo as negociações para aquisição da Covaxin. As negociações envolvendo a Covaxin são investigadas pela CPI da Covid, pela PF, pelo Ministério Público Federal e pelo Tribunal de Contas da União (TCU). O imunizante foi o mais caro negociado pelo governo. O contrato, em meio à polêmica das negociações, foi suspenso. G1

Justiça russa multa Google por descumprir lei de dados pessoais

A justiça russa impôs ao Google uma multa de US $ 40 mil nesta quinta-feira (29) por não armazenar na Rússia os dados de seus usuários locais, na primeira condenação do gigante americano no país por esse crime. O tribunal de Moscou em Taganski condenou o Google por violar a lei de dados pessoais e impôs uma pena de três milhões de rublos ao grupo, informou um porta-voz do tribunal à agência pública Ria Novosti. A multa máxima por esse delito é de seis milhões de rublos. CORREIO DO POVO

Anvisa alerta sobre casos raros de Guillain-Barré após vacinação contra a Covid-19

Casos raros de síndrome de Guillain-Barré (SGB) após a vacinação contra Covid-19 têm sido relatados em diversos países, inclusive no Brasil, alertou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em um comunicado divulgado na quarta-feira (28), a Anvisa informa que, até o momento, recebeu 27 notificações de casos suspeitos de SGB após a imunização com a vacina da AstraZeneca, além de três casos com a vacina da Janssen e outros quatro com a CoronaVac, totalizando 34 registros. A Anvisa explica que a SGB é um distúrbio neurológico autoimune raro, no qual o sistema imunológico danifica as células nervosas. Os episódios pós-vacinação (eventos adversos) também são raros, mas já conhecidos e relacionados a outras vacinas, como a da influenza (gripe). CORREIO DO POVO

Produção e apresentação: Caroline Silva
Próxima edição: Hoje, às 18h

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui