Perseguição a “serial killer do DF” mobiliza 200 policiais

Equipes trocaram tiros com Lázaro Barbosa, de 33 anos, que está foragido há sete dias. Ele é acusado de matar uma família


0
Em seis dias matou quatro pessoas, baleou outras três e fez reféns em chácaras (Foto: Reprodução / Record TV)

Mais de 200 policiais civis e militares empreendem uma perseguição ao homem acusado de matar quatro pessoas da mesma família em Ceilândia, na região administrativa de Brasília. Lázaro Barbosa, de 33 anos, conhecido como “serial killer do DF” está foragido há sete dias. A Polícia Militar usa helicópteros, cães farejadores e conta com auxílio da Polícia Federal e Civil.

Na tarde desta terça-feira, ele trocou tiros com as equipes de segurança durante as buscas na zona rural de Edilândia, de acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública de Goiás. Um policial militar foi atingido com um tiro de raspão. Ele foi socorrido e passa bem. Ainda não há informações se Lázaro foi baleado.

A operação de captura continua. Ele foi visto por populares pela última vez em uma fazenda no final da manhã desta terça-feira. Um vídeo feito por uma mulher mostra o desespero de quem tinha acabado de dar de cara com o assassino em série. Ela orienta os policiais mostrando a direção em que Lázaro teria fugido para o meio da mata.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui