Picada Natal: uma bucólica localidade no interior do Vale do Taquari

Lugar com pouquíssimos moradores fica situado nos limites entre Travesseiro e Capitão


1
Templo da comunidade católica está abandonado (Foto: Alicio de Assunção)

Nas dicas de turismo aqui no Vale do Taquari nossa indicação de hoje é Picada Natal, situada nos limites entre Travesseiro e Capitão. Um lugar com pouquíssimos moradores, mas com uma linda história iniciada por volta de 1915 com a chegada das famílias de Inácio Höffle, Aloisio Bergmann, Ventutto Pacce, João Weissmann, Henrique Höffe, Sebastião Höffe, Otto Rempel, Oscar Southier, Jacó Dill, Raimundo Rempel, Mathias Rempel e as famílias Sequi e Freisleben.

A primeira capela foi construída em 1920. Hoje a igreja católica construída em 1965 encontra-se abandonada. A denominação de Linha Natal se deve ao padroeiro que é Menino Jesus e em Natais passados era dia de festa na comunidade. O Arroio Feiticeiro que corta a localidade é formado a partir da junção dos Arroios Gaúcho e das Rãs.

Com o decorrer do tempo os moradores, devido ao terreno montanhoso e com poucas perspectivas de melhora de vida, acabaram mudando-se para outras comunidades. Para acessar a localidade deve-se acessar por Linha Zanotelli, interior de Capitão, de onde se toma uma estrada por cerca de seis quilômetros em boas condições. Picada Natal, uma bucólica localidade cercada por muita natureza e histórias e que vale a penar ser visitada.

Texto: Alicio de Assunção
turismo@independente.com.br

1 comentário

  1. O melhor acesso a Picada Natal é via Travesseiro com talvez um kilometro de estrada de chão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui