Poço das Antas incentiva educação ambiental desenvolvida a partir de experiências com a natureza

Turmas do Centro Municipal de Educação Infantil de Poço das Antas participaram de diversas situações de aprendizagem ao ar livre


0
Foto: Divulgação

No mês em que se celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente, o Centro Municipal de Educação Infantil de Poço das Antas estendeu as atividades para além da sala de aula. Segundo os profissionais da instituição, falar com as crianças sobre a preservação do meio ambiente entre quatro paredes não resultará em atitudes pró-ambientais na vida adulta, e por isso que a verdadeira educação ambiental se dá por meio do experiencial e acontece quando se oportuniza à criança interações diretas com a natureza. “As crianças só amarão a Terra se permitirmos que elas a conheçam”, reconhecem os educadores.

Para tanto, nas últimas semanas, as turmas da Educação Infantil do Centro Municipal de Educação, desde os Berçários até o Jardim B, participaram de diversas situações de aprendizagem, dentre as quais se pode citar: visitas ao pátio da escola e arredores para a coleta de elementos da natureza para o cesto dos tesouros; jogos de trilhas educativas na sala e em casa com a família; plantio de sementes (pinhão) e mudas de hortaliças na horta da escola; revitalização dos canteiros de flores e floreiras; vasos de flores com material reciclado; confecção de brinquedos com sucatas; como se tornar defensores do meio ambiente (com ações diárias: apagar as luzes, fechar as torneiras, lixo no lixo), além de contação de histórias e reflexões. Todas as propostas foram atividades lúdicas e pedagógicas que vão ao encontro da aprendizagem significativa das crianças.

De acordo com a diretora do Centro Municipal de Educação, Débora Luciane Wolf Diel, como também para a responsável pelo suporte pedagógico, Rosimeire Rodrigues dos Santos e para os demais educadores da instituição, a Educação Ambiental praticada todos os dias, desde a Educação Infantil, pode mudar hábitos, transformar a situação do Planeta Terra e proporcionar uma melhor qualidade de vida para as pessoas. “E isso, só se fará com uma prática de Educação Ambiental na qual cada indivíduo sinta-se responsável em fazer algo em prol do nosso Planeta”, reconhecem os profissionais. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui