Polícia Civil inicia investigação do caso de cliente espancado e morto em açougue de Alvorada

Equipe da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa examina ainda imagens de câmeras de monitoramento


0
Foto: Divulgação

A Polícia Civil já começou as investigações e pretende ouvir o proprietário do açougue onde um cliente foi espancado e morto neste final de semana na avenida Presidente Getúlio Vargas, em Alvorada, na região metropolitana de Porto Alegre.

A vítima, o vendedor de pastéis Wagner de Oliveira Lovato, de 40 anos, teria reclamado do preço da carne e discutido com um funcionário na noite do último sábado (2). No momento do ocorrido o dono do estabelecimento não estava no local. Ao sair do açougue a vítima foi agredida a socos e pontapés por dois homens. Um deles era gerente da loja de carnes que estava de folga e um amigo dele.

Ferido gravemente e com traumatismo craniano, Wagner de Oliveira Lovato morreu na noite de domingo (3), no Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre.

Fonte: Correio do Povo / CC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui