Polícia da Áustria faz 60 operações para investigar pessoas com possíveis vínculos a organizações terroristas

No começo do mês, um simpatizante do grupo extremista Estado Islâmico abriu fogo em um bairro do centro de Viena e matou quatro pessoas. Foi o primeiro ataque deste tipo em décadas na Áustria.


0
A polícia bloqueia uma rua perto da praça Schwedenplatz após um tiroteio em Viena (Foto: REUTERS/Leonhard Foeger)

A polícia da Áustria realizou operações de busca em mais de 60 lugares em quatro regiões do país onde pode haver pessoas ou organizações ligadas a movimentos islamitas Irmandade Muçulmana e Hamas nesta segunda-feira (9), anunciou o Ministério Público.

A ação não tem relação com o atentado da semana passada em Viena.

Mais de 70 suspeitos são investigados, de acordo com a promotoria. Desses, 30 receberam ordens para comparecer à polícia para interrogatórios.

Há suspeitas de formação de organização terrorista, financiamento do terrorismo e lavagem de dinheiro.

Na semana passada, um simpatizante do grupo extremista Estado Islâmico (EI) abriu fogo em um bairro do centro de Viena e matou quatro pessoas. Foi o primeiro ataque deste tipo em décadas na Áustria.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui