Polícia Federal confirma mortes de indigenista e jornalista no Vale do Javari – AM

Confira as informações do programa Correspondente Independente do meio-dia


0

A Polícia Federal confirmou, na noite dessa quarta-feira (15), que o indigenista brasileiro Bruno Pereira e o jornalista inglês Dom Phillips foram mortos na região do Vale do Javari, no Amazonas. A polícia seguiu as pistas apontadas na confissão de um dos suspeitos, Amarildo da Costa de Oliveira, e encontrou o local do crime com a ajuda das comunidades indígena e ribeirinha. O superintendente da Polícia Federal no Amazonas, Eduardo Alexandre Fontes, afirmou que o trabalho de investigação continua, mas agora será sigiloso. Agentes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Polícia Federal e das Forças Armadas continuam na região, por tempo indeterminado. Além de Amarildo, as equipes prenderam também o irmão dele, Oseney da Costa de Oliveira. Os investigadores procuram agora um terceiro suspeito. A expectativa é que a perícia esclareça o que ocorreu. Fonte: Agência Brasil

Líderes europeus fazem visita inédita à Ucrânia

O chanceler federal da Alemanha, Olaf Scholz, o presidente da França, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, que representam as três maiores economias da UE, chegaram nesta quinta-feira (16) à Ucrânia. Segundo Macron, o trio viajou ao país para transmitir “uma mensagem de unidade europeia aos ucranianos” em meio à guerra de agressão da Rússia contra o país do leste europeu. O alemão Olaf Scholz, por sua vez, afirmou, pouco antes da sua chegada a Kiev, que o objetivo da viagem é garantir a solidariedade e a continuidade do apoio à Ucrânia. Fonte: G1

Matriz Santo Inácio de Loyola inicia confecção de tapetes na manhã do feriado de Corpus Christi em Lajeado

Desde às 7h da manhã desta quinta-feira (16) religiosos confeccionam tapetes em frente a Matriz Santo Inácio de Loyola, no centro de Lajeado, neste feriado de Corpus Christi (16). Cerca de 100 pessoas estão envolvidas no processo de confecção dos tapetes, que devem ser finalizados por volta do meio-dia. Por conta das atividades, as Ruas Borges de Medeiros, Júlio de castilhos (mão inglesa), Marechal Deodoro e Bento Gonçalves, permanecem bloqueadas até às 16h. O padre Valdir José Biasibetti fala que a comunidade é convidada a praticar a solidariedade com doação de cobertores, agasalhos e alimentos não perecíveis. CS

Australiano usa empilhadeira para evitar roubo de carro em movimento

Um australiano recorreu a uma forma inusitada para impedir que seu carro fosse roubado, usando uma empilhadeira para suspender o veículo — e a suposta ladra — no ar. A polícia afirma que uma mulher havia invadido a casa dele, tomado banho e trocado de roupa antes de tentar roubar o carro. Ela estava prestes a fugir quando ele e a família voltaram para casa. Ele viu a porta do carro se fechar, e o veículo começar a andar — foi quando entrou em ação. Como tinha uma empilhadeira manual, já que trabalha com carros, essa foi a única maneira que ele conseguiu pensar para impedir com segurança a mulher de fugir com o carro. Fonte: G1

Em sete anos, Rio Grande do Sul perde 31,8% dos postos de trabalho na indústria da Construção

Em 2020, as empresas de Construção com 5 ou mais pessoas ocupadas empregavam no Rio Grande do Sul 94.181 pessoas, uma redução de 3,8% (menos 3,7 mil trabalhadores) frente a 2019, sexta variação negativa desde 2014, segundo dados da Pesquisa Anual da Indústria da Construção (PAIC), divulgada nesta quarta-feira (15) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). De 2011 a 2020, o setor perdeu 23,6% de seus postos de trabalho (ou 29,2 mil trabalhadores a menos). O auge da ocupação foi em 2013, com 138.111 trabalhadores. De 2013 a 2020, a perda de postos de trabalho chegou a 31,8% (menos 43,9 mil). Fonte: O Sul

Hospital Bruno Born recebe R$ 2 milhões do Avançar e terá novo Centro Obstétrico

A quarta etapa do programa Avançar na Saúde, do governo do Estado, irá contemplar o Hospital Bruno Born (HBB), de Lajeado, com R$ 2 milhões em recursos. O valor será utilizado para a construção do novo Centro Obstétrico da instituição, que atenderá dezenas de cidades gaúchas. Esta é a terceira vez que o HBB receberá verbas do programa. O atual centro tem 240 metros quadrados, e o novo terá 850. A quarta etapa do programa foi lançada na quarta-feira pelo governo. O aporte total desta fase já chega a R$ 73,4 milhões. Ao todo, o Avançar destinou R$ 542,5 milhões para a qualificação da rede hospitalar, da assistência farmacêutica e das unidades básicas de saúde do Rio Grande do Sul. AI/RC

Uno com 11 pessoas é abordado em Campo Bom e vídeo viraliza na internet

Um vídeo, provavelmente registrado por um policial militar em uma abordagem, é possível visualizar 11 pessoas saindo de dentro de um Fiat Uno. As imagens viralizaram na internet nesta semana. A abordagem aconteceu na avenida São Leopoldo, próximo da sede da Brigada Militar, em Campo Bom. Pelo que se pode identificar, as pessoas começam a sair de dentro do carro sendo que algumas estavam no porta malas do veículo. Não há nenhuma informação se a abordagem resultou em alguma prisão nem como o vídeo foi distribuído. Pelas imagens, todos os ocupantes do veículo são jovens. São seis homens e cinco mulheres que saem de forma tranquila de dentro do Uno prata. Fonte: Portal Tudo Online / Campo Bom

25% da população das metrópoles vive em situação vulnerável, com renda de no máximo 1/4 do salário mínimo

A renda média dos mais pobres voltou a cair no 1º trimestre, elevando para 25,2% a fatia da população nas regiões metropolitanas do país que vivem em lares cujo rendimento médio per capita é de no máximo 1/4 do salário mínimo, ou seja, R$ 303 por pessoa. Em números absolutos, subiu para 21,1 milhões o total de pessoas em situação de vulnerabilidade social nas metrópoles, com rendimentos muito baixos. No final de 2021, o percentual tinha recuado para 23,6%, depois de ter atingido 29,7% em 2020, na fase mais aguda da pandemia. Os dados estão na oitava edição do boletim Desigualdade nas Metrópoles. Fonte: G1

Cruzeiro vislumbra casa própria após peregrinação e polêmicas

Estádio novo ou participação efetiva na administração do Mineirão? Possibilidades que surgiram para o Cruzeiro, nos últimos dias, e que fazem parte do desejo da atual gestão de ter melhores condições em jogos como mandante. As negociações, ainda em fases embrionárias, podem significar o fim da “peregrinação” que o time teve nos últimos anos. Sobre o Gigante da Pampulha, o contrato da parceria público-privada entre Governo de Minas e Minas Arena (administradora do estádio) vai até 2037 – com possibilidade de renovação até 2045. Fonte: GE / RS

Produção e apresentação: Gabriela Hautrive
Próxima edição amanhã às 8h


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui