Polícia indicia mãe e padrasto de menino espancado e morto, em Taquari

Padrasto está preso e mãe vai responder processo em liberdade


0
Foto: Divulgação

O delegado de Polícia Civil Dinarte Marshal Júnior concluiu o inquérito policial e indiciou a mãe e o padrasto do menino João Vicente de Vargas, de 3 anos, que foi espancado e morto na última quinta-feira (3), em Taquari. O casal vai responder criminalmente por homicídio doloso qualificado por motivo fútil, o que impossibilitou a defesa da vítima. O padrasto, de 25 anos, foi preso em flagrante no mesmo dia do fato. Ele confessou ser o responsável pela morte da criança e está preso preventivamente na Penitenciária Estadual de Sapucaia do Sul, onde vai aguardar julgamento.

Já a mãe, de 26 anos, está à disposição da justiça, em liberdade. Conforme o delegado, em entrevista ao programa Operação Conjunta desta quinta-feira (10), na Rádio Independente, “a mãe compactuava com os castigos dados ao menino, que era agredido fisicamente com frequência”. Esta contestação foi confirmada pela perícia, pois a criança tinha ferimentos anteriores aos do dia do fato. O delegado ainda comenta que o menino era ameaçado com uma vara que ficava exposta na casa. CC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui