Políticos são detidos por suspeita de corrupção ligada à Odebrecht na República Dominicana

Ministro da Indústria e Comércio está entre os detidos. Construtora brasileira diz ter pago para obter concessão de contratos de obras de infraestrutura no país.


0
Manifestante protesta contra esquema de corrupção da Odebrecht em imagem de arquivo de 22 de fevereiro (Foto: Ezequiel Abiu Lopez/ AP)

O ministro de Indústria e Comércio da República Dominicana, políticos de alto escalão e empresários foram detidos em Santo Domingo, nesta segunda-feira (29), por suspeita de ter recebido suborno da construtora brasileira Odebrecht. Onze pessoas foram presas, segundo a agência Reuters.

As prisões ocorrem após a procuradoria receber, em meados de maio, o conteúdo dos depoimentos de executivos da empresa a autoridades brasileiras, de acordo com a Associated Press.

Os executivos da construtora afirmaram a autoridades americanas e brasileiras que a Odebrecht pagou US$ 92 milhões para conseguir a concessão de contratos de obras de infraestrutura desde 2001.

Os procuradores disseram ainda que solicitaram a retirada da imunidade de três parlamentares em relação ao pagamento de propina que a empreiteira admitiu ter feito para conseguir contratos públicos.

Detidos

O ministro Temístocles Montás, integrante da Partido da Libertação Dominicana governando (PLD), foi encaminhado nesta manhã à sede da procuradoria junto com o ex-ministro de Obras Públicas Víctor Díaz Rúa, que durante sua gestão participou da negociação de vários contratos com a empresa. Rúa esteve no poder entre 2007 e 2012.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui