Pontes anuncia que três vacinas feitas no Brasil iniciarão testes

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 18h


0

O ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, anunciou nesta sexta-feira (26), durante coletiva de imprensa, que três vacinas criadas no Brasil entrarão na fase de testes clínicos nos próximos dias. Ao lado do novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, Pontes defendeu que a criação de vacinas nacionais é uma questão de soberania e preparo para outras pandemias futuras. “A gente vai ter outras pandemias, infelizmente, então vamos ter a tecnologia para criar vacinas. E é uma questão de soberania, nós vimos a dificuldade que é importar vacinas durante essa pandemia”, afirmou o ministro.

A fala dos ministros ocorreu um dia depois do Instituto Butantan, ligado ao governo de São Paulo, anunciar a criação de uma vacina com tecnologia própria com a qual pediria o início dos testes em humanos à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Nenhum dos dois ministros citou esta vacina durante a entrevista.

Pontes não entrou em detalhes sobre as instituições que desenvolviam as três vacinas mas a Anvisa e o ministério de Ciência e Tecnologia confirmaram que a vacina Versamune, criada pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP, em parceria com a Farmacore Biotecnologia e a empresa estrangeira PDS Biotechnology Corporation, já tem o pedido oficial para início dos testes clínicos. O ministério da Ciência e Tecnologia, por sua vez, afirmou que os testes clínicos desta vacina serão realizados nos Estados Unidos e no Brasil, com a Farmacore liderando os esforços regulatórios e de ensaios clínicos nacionais.

Ainda de acordo com o ministro Marcos Pontes, o processo de criação destes imunizantes começou no ano passado, com quinze tecnologias diferentes escolhidas. Destes, três avançaram dos testes com animais para os testes clínicos, onde a segurança e eficácia da vacina em humanos é avaliada. Fonte: R7


OUÇA O PROGRAMA 


RS registra 408 óbitos e 1.406 novos casos de Covid nesta sexta

O Rio Grande do Sul registra nesta sexta-feira (26), 408 óbitos informados pela Secretaria Estadual da Saúde. Assim, o RS chega a um total de 18.349 mortes em decorrência do coronavírus. Também foram contabilizados 1.406 novos casos, alcançando um total de 816.275. O número estimado de recuperados é de 772.610 (95% dos casos) e em acompanhamento 28.576 (4%). Dos 3.285 leitos de UTI disponíveis no Rio Grande do Sul, 3.470 (105,6%) estavam com pacientes internados às 17h desta sexta. A taxa de mortalidade é de 161,3 por 100.000 habitantes e a letalidade aparente é de 2,2 %. Além disso, o Rio Grande do Sul já tem 955.224 pessoas vacinadas com a primeira dose e 288.935, com a segunda dose. RC

Governador apresenta a deputados proposta de R$ 130 milhões para os setores mais afetados pela pandemia no RS

Em reunião com deputados estaduais na manhã desta sexta-feira (26/3), o governador Eduardo Leite e secretários estaduais apresentaram uma proposta de auxílio emergencial de R$ 130 milhões aos setores mais afetados pela pandemia no Rio Grande do Sul. Desse total, a ideia é que R$ 100 milhões sejam repassados na forma de subsídio a trabalhadores que perderam emprego e empresas dos setores de alimentação e alojamento e mulheres chefes de família em situação de extrema pobreza. Os outros R$ 30 milhões seriam destinados à ampliação de recursos do ICMS para apoio a projetos de incentivos a cultura, assistência social e esporte. Fonte: Governo RS

Butantan projeta oferecer doses da vacina Butanvac a partir de julho

O Instituto Butantan anunciou em coletiva na manhã desta sexta-feira, a criação da Butanvac, que pode ser a primeira vacina 100% brasileira contra a Covid-19. Com a estimativa de enviar o pedido de autorização para iniciar os estudos clínicos em voluntários à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ainda nesta sexta-feira, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) afirmou que há condições de oferecer 40 milhões de doses e começar a imunizar a partir de julho. O anúncio ocorreu em coletiva de imprensa nesta manhã. Fonte: Correio do Povo

Governo federal protocola pedido de testes de nova vacina feita no Brasil

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações anunciou nesta sexta-feira (26) que protocolou junto à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) na última quinta-feira (25) um pedido para início dos testes clínicos em humanos de uma nova vacina contra Covid-19 desenvolvida no Brasil, chamada de Versamune-CoV-2FC. O potencial imunizante é resultado de uma pesquisa financiada pelo ministério e coordenada pelo pesquisador Célio Lopes Silva, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP), em parceria com a empresa brasileira Farmacore e a PDS Biotechnology. De acordo com o comunicado, a Versamune teve bons resultados em testes feitos com animais. Fonte: CNN

Governo do RS deve anunciar novas flexibilizações nesta sexta

O governo do Estado deve anunciar na tarde desta sexta-feira novas flexibilizações para as atividades comerciais. A expectativa de setores do comércio e de gastronomia é que haja a ampliação no horário de atendimento e funcionamento, que atualmente está restrita até as 20h. Outra medida solicitada é o retorno às atividades no final de semana. O grau das flexibilizações dependerá dos números da evolução da pandemia no Estado. Fonte: Correio do Povo

Universidade dos EUA paga US$ 1,1 bilhão a alunas que foram vítimas de ginecologista do campus

A Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, anunciou na quinta-feira (26) que fechou três acordos extrajudiciais que somam US$ 1,1 bilhão (R$ 6,3 bilhões) para pagar mais de 700 mulheres que acusam um ex-ginecologista da instituição de ter abusado delas como pacientes (elas também afirmam que a universidade tentou esconder a história). O médico que trabalhava no campus chama-se George Tyndall. Ele esteve na universidade durante quase 30 anos, até ser suspenso em 2016. A instituição de ensino permitiu que ele se aposentasse e não o denunciou ao conselho de medicina. O valor que cada estudante vai receber vai variar entre centenas de milhares de dólares até milhões. Tyndall alega ser inocente. Ele perdeu sua licença médica e foi acusado de abuso sexual por 21 pacientes que tinham procurado tratamento ou exames ginecológicos. Fonte: G1

Lajeado terá vacinação para idosos com 69 anos ou mais neste sábado

O município de Lajeado vai ampliar para idosos com 69 anos completos ou mais a vacinação contra a Covid-19 neste sábado (27), em dois locais, das 8h às 14h, sem fechar ao meio-dia, mesmo horário em ambos. Os atendimentos da Secretaria Municipal da Saúde terão alteração. As mudanças acompanham a evolução da pandemia no município, que atualmente vem se apresentando com redução do número de casos ativos e queda da procura por atendimentos de pacientes com sintomas gripais na rede de atenção básica. As alterações também têm como objetivo definir um ponto fixo para vacinação contra a Covid-19 na área central, que será realizado no Posto do Centro, além do drive-thru do Parque do Imigrante.

Nos dois pontos de vacinação, serão imunizados exclusivamente idosos com 69 anos completos ou mais. Quem tem mais que 69 anos e não foi vacinado em etapas anteriores pode se vacinar. Não haverá vacinação para outros grupos. Idosos podem fazer a primeira dose e aqueles que já estiverem no prazo podem também fazer a segunda dose nestes locais. AI/RC

Após 44 dias, Araraquara não tem morte por Covid em 24h; cidade teve confinamento de 10 dias

Pela primeira vez após 44 dias, Araraquara (SP) não registrou óbitos por Covid-19 em 24 horas, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira (26). A cidade de 240 mil habitantes teve 10 dias de ‘lockdown’ em fevereiro e registrou queda de casos e mortes pela doença. São 318 óbitos causadas pela doença desde o início da pandemia, sendo que 113 (35,5% do total) ocorreram em março. A ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva caiu para 91% (1 ponto percentual a menos que quinta). Já os leitos de enfermaria estão com 81% de ocupação (5 pontos percentuais a mais que quinta). O município também registrou nesta sexta mais 43 casos da doença e chegou a 16.957. Fonte: G1

Ganhador Mega da Virada tem menos de uma semana para retirar o prêmio de R$ 162 milhões

Um dos vencedores da Mega da Virada pode perder o prêmio de R$ 162.625.108,22 a que tem direito. Isso porque o prazo para retirar o dinheiro expira na próxima quarta-feira (31) e o apostador ganhador da capital paulista ainda não sacou o prêmio. O outro vencedor, um apostador de Aracaju (SE), já retirou o dinheiro. Duas apostas acertaram as seis dezenas. Fonte: G1

Produção e apresentação: Rita de Cássia

 


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui