População ucraniana sofrerá com o transtorno de estresse pós-traumático, diz psiquiatra

Segundo Rafael Moreno, o distúrbio é caracterizado pela dificuldade em se recuperar depois de vivenciar ou testemunhar um acontecimento assustador


0
Médico psiquiatra Rafael Moreno (Foto: Rodrigo Gallas)

A população ucraniana sofrerá com o transtorno de estresse pós-traumático, diz o médico psiquiatra Rafael Moreno, em sua participação no quadro Direto Ao Ponto desta segunda-feira (14), dentro programa Troca de Ideias da Rádio Independente.

“Quando uma pessoa passa por uma situação de caso morte, ou visualiza alguém morrendo por bomba ou ataque com armas, o indivíduo que sobrevive fica em estado de choque. Na psiquiatria, a gente chama de estado dissociativo.” Uma das principais doenças psiquiátrica desenvolvidas pelo estado de choque é o transtorno de estresse pós-traumático, informa.

O distúrbio é caracterizado pela dificuldade em se recuperar depois de vivenciar ou testemunhar um acontecimento assustador. A condição pode durar meses ou anos, com gatilhos que podem trazer de volta memórias do trauma acompanhadas por intensas reações emocionais e físicas.

Entre os sintomas estão pesadelos ou lembranças repentinas (flashbacks), fuga de situações que relembrem o trauma, reações exageradas a estímulos, ansiedade e humor deprimido. O tratamento inclui diferentes tipos de psicoterapia, bem como medicamentos para tratar os sintomas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui