PPGECE realiza primeira banca de qualificação do doutorado profissional

Discente é do Amapá e investiga o ensino de eletricidade e eletromagnetismo


0
Foto: Ilustrativa / Divulgação

Aprovado em julho de 2019 e em atividade desde janeiro de 2020, o doutorado profissional do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas (PPGECE) da Univates realizou sua primeira banca de qualificação na última quinta-feira (30). Na ocasião foi avaliado o projeto de pesquisa “Ensino da(o) eletricidade/eletromagnetismo por meio de atividades experimentais e computacionais em uma escola-família de agroextrativistas no interior do Amapá” do discente Rosivaldo Carvalho Gama Júnior, realizado sob orientação do professor doutor Marco Antônio Moreira. A banca foi composta pelo coordenador e professor do PPGECE da Univates, Ítalo Neide; pela doutora Silvana Perez, da Universidade Federal do Pará (UFPA); e pelo doutor Francisco Augusto Silva Nobre, da Universidade Regional do Cariri (Urca).

Para Rosivaldo, a qualificação foi um momento histórico por ser a primeira banca de qualificação do doutorado do PPGECE. “Gostaria de mencionar que estou muito feliz com a qualificação, pois alguém precisava começar a trilhar esse caminho. O projeto da tese e do produto educacional é uma continuação dos estudos desenvolvidos no mestrado que versam sobre atividades experimentais e computacionais no ensino de Física. A qualificação contribuiu para eu refletir e ter novas ideias diante das intervenções com meus alunos do 3º ano do Ensino Médio da Escola-Família Agroextrativista do Carvão (EFAC), na qual eu sou professor voluntário. Ao final da pesquisa, espero poder compartilhar uma boa tese e um bom produto educacional”, explica, acrescentando que seu sentimento é de gratidão a Deus, à sua família, ao seu orientador, professor Moreira, à EFAC que o acolheu com muito carinho, à Univates, à Universidade do Estado do Amapá e ao apoio dos amigos.

Foto: Divulgação

Segundo o coordenador do PPGECE, este foi um marco significativo, tanto para o programa quanto para a área do ensino. “O PPGECE faz parte do primeiro conjunto de Programas Profissionais na área do ensino que aprovaram o curso de doutorado. Portanto, foi depositada em nós uma responsabilidade que implica na construção de uma identidade em nível nacional do que é um doutorado profissional na área do ensino. A primeira turma ingressou em janeiro de 2020, com 70% dos alunos sendo egressos do programa, e esta foi a primeira banca de qualificação que ocorreu. Seguimos consolidando a excelência que temos e contribuindo para os processos de ensino e de aprendizagem em todos os níveis de ensino no Brasil”, revelou Neide.

A pesquisa

Conforme Rosivaldo, o projeto da tese foi pensado a partir das dificuldades apresentadas por alunos do 3º ano do Ensino Médio da Efac na aprendizagem de conteúdos do eletromagnetismo. “O objetivo é investigar como o uso de atividades experimentais e computacionais pode favorecer a aprendizagem significativa de conteúdos físicos para alunos do 3º ano do Ensino Médio de uma escola-família agroextrativista no interior do Amapá”, explica o discente. Com o estudo, espera-se que o pesquisador possa fazer contribuições para uma visão mais ampliada e sólida sobre atividades experimentais e atividades computacionais; que os resultados possam contribuir para melhoria na prática docente de professores; que o material instrucional potencialmente seja significativo para os alunos; que os alunos tenham compreensão ampliada dos conceitos e aplicações sobre o eletromagnetismo.

Por ser um doutorado profissional, paralelamente à tese será desenvolvido um produto educacional que compreende material didático com aplicação em situações reais de sala de aula e/ou outros ambientes de ensino, por meio de atividades experimentais e atividades computacionais, considerando os conhecimentos prévios e as indagações dos alunos. Após a defesa da tese, esse material ficará disponível no site do PPGECE para que outros professores possam utilizá-lo.

Inscrições abertas

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas está com inscrições abertas, sendo oferecidas 10 vagas para o mestrado e 13 vagas para o doutorado. O programa forma profissionais multidisciplinares e que buscam inovar as práticas pedagógicas por meio de tecnologias e novos olhares sobre a educação, ampliando os espaços de investigação e de produção de conhecimentos na área do ensino de Ciências Exatas. As inscrições podem ser realizadas até o dia 8 de outubro, conforme o edital retificado. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail ppgece@univates.br. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui