Prefeito de Bom Retiro do Sul está de volta à cidade

Edmilson Busatto ainda não voltou a exercer o cargo, mas está se recuperando em casa da covid-19 após ficar 13 dias na UTI no Ceará onde passava as férias.


0
Edmilson Busatto (PL) (Foto: Júlio César Lenhard)

Um grande susto para os bonretirenses, e especialmente para a família do chefe do executivo da cidade Edmilson Busatto (PL). Quando passava férias na cidade de Jericoacoara, no interior do Ceará, o prefeito de Bom Retiro do Sul percebeu os sintomas da covid-19, o que o fez cancelar o embarque para retorno ao Rio Grande do Sul e buscar uma unidade de atendimento intensivo em solo cearense e depois ingressar na UTI do hospital de Sobral e ficar na unidade intensiva por 13 dias.


OUÇA A REPORTAGEM


Com dificuldades para se chegar até o local, o prefeito se emociona ao falar do que passou.” Quando senti os sintomas chegamos a adiantar o retorno, mas percebemos que não adiantaria sequer embarcar. Me considero uma pessoa de sorte, pois decidi ser atendido por um hospital SUS, e na verdade, depois percebemos que era um grande hospital como estrutura e que eu estava no lugar certo”, explica o prefeito. Ele revela que chegou a viajar por cerca de quatro horas até chegar a casa hospitalar devido a dificuldade de locomoção que existe nas regiões.

O prefeito também lembra que o fator psicológico era um obstáculo para quem estava por lá.” Quando eu estava com uma consciência melhor, pude acompanhar oito pessoas que estavam ali internadas comigo, metade sobreviveu e metade veio a falecer. Cheguei a pensar que não passaria por essa. Ainda bem que estou aqui, me considero uma pessoa de sorte”, lembra o político emocionado e com a voz embargada.

Ele também fala que entendeu como uma lição para um gestor, como é o seu caso, a importância de se ter uma boa estrutura nos hospitais e nas unidades que atendem o SUS. “Para nós gestores, não deixa de ser uma lição, e passo a repensar o quão importante é darmos a estrutura para tudo que atende o SUS, pois é ali que a maioria dos brasileiros, os que não tem condições pagar um hospital particular, são atendidos”, disse Busatto.

Por fim o prefeito afirma que está se recuperando, mas enfrente ainda de dificuldade de respiração e cansaço, especialmente quando caminha muito ou sobe escadas. Busatto conclui dizendo que em breve estará de volta às atividades a frente do município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui