Prefeito de Encantado decreta situação de emergência por falta de combustível


0
Prefeitura de Encantado (Foto: Ilustração/Divulgação)

O prefeito de Encantado Adroaldo Conzatti, decretou na manhã desta quinta-feira (24), situação de emergência em razão da falta de combustível no município e região, devido à greve geral dos caminhoneiros em todo o país, que protestam há quatro dias contra o alto preço do combustível.

Visando manter o atendimento dos órgão públicos como na área da saúde (transporte de pacientes com ambulância), educação (transporte escolar) e demais serviços essenciais como coleta de lixo e segurança pública, fica estabelecido para empresas que comercializam combustível no município, que reservem um percentual para atendimento dos serviços públicos essenciais, em função do interesse público nos casos de situação de emergência. O decreto fica em vigor até a regularização dessa situação. AI/RS


Saiba mais

– Em quarto dia de manifestações, começa a faltar gasolina em postos do Vale do Taquari
– Justiça Federal determina multa de R$ 1.000,00 por hora para quem bloquear rodovias federais gaúchas
– Agas alerta para problemas de abastecimento de mercadorias em supermercados
– Empresas cancelam linhas de ônibus nas rodoviárias de Estrela, Lajeado e Venâncio Aires
– Prefeito de Encantado decreta situação de emergência por falta de combustível
– Petrobras reduz preço da gasolina pelo 3º dia consecutivo
– Prefeitura de Estrela para veículos leves devido à falta de combustíveis em posto
– Prefeitura de Travesseiro suspende serviços em função da greve dos caminhoneiros
– Cooperativa Languiru paralisa atividades no Frigorífico de Aves em Westfália

– Pelo menos sete pontos da região têm manifestações de caminhoneiros nesta quinta

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui