Prefeitos, Amturvales e ABPF fazem assinatura do Projeto Executivo do Trem dos Vales

Documento prevê investimento de cerca de R$ 9 milhões nos trechos da ferrovia por onde passará o Trem dos Vales


0
Foto: Divulgação

Ocorreu na tarde desta sexta-feira (6), na prefeitura de Estrela, a reunião de aprovação e assinatura do Projeto Executivo do Trem dos Vales, contemplando os sete municípios integrantes: Colinas, Dois Lajeados, Estrela, Guaporé, Muçum, Roca Sales e Vespasiano Corrêa. O projeto prevê um investimento de cerca de R$ 9 milhões nos trechos da ferrovia por onde passará o Trem dos Vales. Além de prefeitos, secretários e coordenadores municipais de Turismo, a solenidade teve a presença da Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales), da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) e da Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat).

O projeto será entregue à Rumo Logística para análise e, sendo aprovado, será formatado o Contrato de Operacional Específico para que a ANTT autorize o transporte regular de passageiros na Ferrovia do Trigo. Conforme o coordenador do Trem dos Vales, Rafael Fontana, projeto que foi assinado hoje, prevê a implantação do Trem dos Vales em três estágios: sendo o primeiro trecho de Muçum a Guaporé; posteriormente entre Muçum a Colinas e, em um terceiro estágio, contemplará Estrela a Colinas. “Estamos dando mais um passo importante na implantação dos passeios de trem de forma definitiva. Com isso queremos ter o trem transitando pela ferrovia de maneira regular e integrando todos os municípios que têm atrativos turísticos da região”, destacou Fontana.

Para o presidente da Amturvales, Leandro Arenhart, a assinatura do projeto é mais um passo para tornar o Trem dos Vales uma atração definitiva para a região. “O que está acontecendo hoje aqui é resultado de muitas mãos, mas principalmente é o esforço do Rafael Fontana e do ex-prefeito de Encantado, Adroaldo Conzatti, que faleceu em março. Eles acreditaram neste projeto e precisamos todos acreditar e perceber como o turismo pode mudar nossas cidades para melhor”, enfatizou o presidente da Amturvales.

Passeios de trem Nos meses de novembro e dezembro deste ano, e em janeiro de 2022, o Trem dos Vales volta a fazer passeios pela região. Ao todo, serão 52 passeios, com possibilidade de transportar aproximadamente 30 mil turistas. A venda dos bilhetes está ocorrendo por meio das agências de turismo. Conforme Rafael Fontana, boa parte dos 30 mil bilhetes colocados à disposição para esta edição do Trem dos Vales edição 2021, já foi comercializada. “Vamos receber cerca de 30 mil pessoas e boa parte dessas pessoas são de outras regiões do estado e de outras partes do país. Mostra como o trem é um atrativo importante e mostra uma oportunidade. Os empreendedores, especialmente da gastronomia e hospedagem, precisam nos ajudar, oferecendo serviços de excelência, para bem acolher estes turistas”, observou o coordenador do projeto.

Os percursos terão saídas das estações de Muçum e Guaporé, passando pela Ferrovia do Trigo. O trajeto de 46 quilômetros, que dura cerca de 2h30, apresenta aos turistas 21 túneis e 17 viadutos, entre eles, o V-13, considerado o maior da América do Sul, em Vespasiano Corrêa. Também os viadutos Pesseguinho e Mula Preta, em Dois Lajeados. AI/VM

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui