Presidente executivo da Dália, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas recebe título de Cidadão Honorário de Encantado

Homenagem foi dada no dia 27 de junho pelos vereadores a Carlos Alberto e outras cincos pessoas


0
Foto: Divulgação

O título de Cidadão Honorário é o reconhecimento da comunidade ao trabalho de pessoas não naturais de um município que foram importantes para seu desenvolvimento. Por isso, no dia 27 de junho, a Câmara de Vereadores de Encantado entregou a cidadania honorária ao presidente executivo da Dália Alimentos, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas, e a mais outras cinco personalidades.

Após a entrega da homenagem, que conferiu cidadania de Encantado, o presidente executivo agradeceu aos vereadores. “Essa homenagem traz sentimentos de muita alegria para mim e minha família. É uma honra poder receber este título”, afirma.

Freitas lembrou que a sua história em Encantado iniciou em 1979 e que houve grande desenvolvimento na cidade desse período até hoje. “Na época, vim trabalhar na Cooperativa de Suinocultores de Encantado (Cosuel) para atuar na medicina veterinária. De lá pra cá, vi o município ter grandes transformações”, relata. “Na minha adaptação, observei grande diferença cultural entre Rio Pardo, minha cidade natal e Encantado. Mas também percebi o quanto esta cidade é acolhedora e logo fizemos muitas amizades”, pondera.

O presidente executivo ainda revelou que em 1986 foi trabalhar em Santa Catarina, onde ganhou vasta experiência. “Saí de Encantado com o coração partido, porém, foram seis anos de muito aprendizado”, reafirma.

Em 1990 o médico veterinário retornou para o Vale do Taquari e participou da restruturação da Dália. “Na década de 1990, a direção da Dália entendeu que precisávamos alinhar a missão da cooperativa e juntos, percebemos, que a empresa existe para o desenvolvimento social e econômico dos associados, funcionários e a comunidade regional”, salienta.

“Os melhores momentos da minha vida foram em Encantado. O município será sempre marcante na história da minha família. Hoje, por meio dos vereadores, posso dizer com orgulho, que sou encantadense”, finaliza.

Trajetória

Carlos Alberto de Figueiredo Freitas é natural de Rio Pardo. Em 1978 se formou em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria e em 1999 fez uma especialização por meio da pós-graduação em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas. Logo após a graduação, Freitas residiu em Encantado e trabalhou na sua área de formação dentro da cooperativa. O médico Veterinário permaneceu por sete anos no município.

A convite do conselho eleito, em 1990, Carlos retornou à Dália, mas para assumir a Diretoria da Divisão Produção Agropecuária, incorporando, mais tarde, também a Diretoria da Divisão Industrial. Em 1996, com a mudança da gestão da cooperativa, assumiu a função de Diretor Superintendente até 2013, quando o nome do cargo exercido passou a denominar-se Presidente Executivo.

Nessa função, ele é o responsável pela gestão empresarial da empresa e atua na estruturação dos programas de produção, industrialização e comercialização nos três setores: suinocultura, avicultura e lacticínios. Além de presidir o cargo executivo na Dália, há diversas gestões, Freitas é membro das Diretorias do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do Rio Grande do Sul (SIPS-RS) e da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). AI/EF

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui