Preso avô que abusava e tinha intenção de ter vida de casal com a neta

Acusado teria incentivado a menina a fugir da casa do pai, em Bom Retiro do Sul


0
Foto: Polícia Civil / Divulgação

A Policia Civil prendeu de forma preventiva, nesta quinta-feira (15), um homem de 59 anos acusado pela prática de estupro de vulnerável contra a sua neta de 12 anos. Segundo o relato da vítima, o acusado começou a se masturbar na frente dela e, após alguns acontecimentos, passou a lhe abusar sexualmente, praticando atos de cunho sexual de modo costumeiro. A menor ainda relatou que o acusado a limpava com lenços umedecidos para que não ficasse nenhum vestígio dos atos sexuais em seu corpo.

Segundo a criança, o acusado também teria expulsado a mulher dele (avó da menina) do quarto do casal, alegando que compraria uma casa nova para ter uma vida de casal com a própria neta, pois era apaixonado por ela. A vítima morava com os avós paternos e os estupros ocorriam quando a avó saía para trabalhar. No dia em que a menina contou aos familiares sobre os abusos, foram encontrados preservativos, lubrificantes e lenços umedecidos na casa, os quais eram usados pelo acusado.

Mesmo com o andamento das investigações, o preso persistia em manter contato com a menor pelo WhatsApp. Ele teria, inclusive, se dirigido de Canoas até Bom Retiro do Sul durante a madrugada, local em que deixou dinheiro e um chip de telefonia celular para possibilitar a fuga da menina da casa do pai. Para convencer a vítima, o homem alegou que ela seria levada para a residência da avó e não para a sua casa. AD

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui