Reconstrução da Ucrânia vai custar US$ 600 bilhões

A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, disse que talvez seja possível fazer com que a Rússia pague parte dessa conta, com os ativos congelados no exterior


0
Foto: Reprodução/Facebook Volodymyr Zelensky

O custo para reconstrução da Ucrânia pode chegar a US$ 600 bilhões (R$ 2,8 trilhões). A afirmação foi feita pelo premiê ucraniano, Denys Shmyhal, na quinta-feira 21 em Washington, nos Estados Unidos. A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, disse que talvez seja possível fazer com que a Rússia pague parte dessa conta, com os ativos congelados no exterior.

O presidente Volodymyr Zelensky, em discurso virtual, citou custos e necessidades de financiamento bem maiores. Ele disse que a Ucrânia precisa de US$ 7 bilhões (R$ 32 bilhões) por mês para compensar as perdas econômicas causadas pela invasão russa. “E precisaremos de centenas de bilhões de dólares para reconstruir tudo mais tarde.”

Segundo o Banco Mundial, os danos físicos a edifícios e infraestrutura da Ucrânia causados pela invasão russa atingiram cerca de US$ 60 bilhões e aumentarão mais à medida que a guerra continuar, disse ontem o presidente do Banco Mundial, David Malpass.

Em conferência sobre assistência financeira à Ucrânia, Malpass disse que a estimativa inicial dos danos é “estreita” e não inclui os custos econômicos crescentes da guerra para a Ucrânia. “É claro que a guerra ainda está em curso, portanto esses custos estão subindo.”

Fonte: Revista Oeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui