Região de Lajeado entrega protocolo da gestão compartilhada ao Estado

Entre os pedidos estão a abertura do comércio quando em bandeira vermelha. Governo avalia o pedido remetido pelos 36 municípios da regional.


0
Documento tem 32 páginas e propõe flexibilizações caso a regional receba a bandeira vermelha (Foto: Natalia Ribeiro)

A região de Lajeado no programa de Distanciamento Controlado formalizou, nesta quinta-feira (20), o envio da proposta de cogestão ao sistema de bandeiras do governo do Rio Grande do Sul. Intitulado “Plano Estruturado de Prevenção e Enfrentamento à Epidemia do Novo Coronavírus (Covid-19)” o documento tem 32 páginas e propõe flexibilizações caso a regional receba a bandeira vermelha no mapa preliminar a ser divulgado na tarde desta sexta-feira (21).


OUÇA A REPORTAGEM 


O governo do Estado confirmou o recebimento e disse que avalia as sugestões feitas pela região. Das 21 regiões do sistema, oito estavam habilitadas para protocolos próprios e já publicadas até o começo da tarde desta sexta-feira. Apenas o de Lajeado está sob análise, de acordo com a assessoria do governo gaúcho.

As sugestões partiram de reunião da Associação de Municípios do Vale do Taquari (Amvat), realizada em 13 de agosto, com adesão de dois terços – 24 dos 37 prefeitos dos municípios associados assinaram. O plano encaminhado ao Piratini na quinta-feira só não teve a adesão de Canudos do Vale. Os demais assinaram a proposta.

Sugestões da região

O esboço não é fixo e, por isso, poderá ser alterado conforme a evolução ou não da Covid-19. O que a região pede é a flexibilização de quatro dos 11 indicadores do Distanciamento Controlado.

– Protocolo de laranja na administração pública, permitindo o funcionamento;
– Manutenção do teto de operação em vermelho para alojamento e alimentação, com alteração no modo de atendimento de restaurantes, lanchonetes e lancherias, liberando o presencial restrito das 7h às 23h;
– Ao comércio, atender integralmente em bandeira laranja;
– Aos serviços, adotar integralmente com regras da bandeira laranja.

Na tarde desta sexta-feira será divulgado o mapa preliminar da próxima rodada do programa estadual, a 16ª. A região de Lajeado está sob a bandeira laranja. Há temor pela bandeira vermelha, em especial por conta do aumento de internações em UTI na última semana.

No período de 14 a 20 de agosto, que será utilizado na próxima rodada, o Vale do Taquari registrou quatro mortes provocadas pela Covid-19 e 379 infecções. Na semana anterior, de 7 a 13 de agosto, que atribuiu a bandeira laranja para a região, foram oito mortes e 458 casos.

Como duas das oito mortes ocorreram com moradores de Arvorezinha, apenas seis contaram para o programa estadual de distanciamento. Arvorezinha está na região de Passo Fundo. Com isso, a redução nas mortes em uma semana foi 33,3% e de casos de 17,2%.

Texto: Natalia Ribeiro
jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui