Região tem nove mortes e 676 novos casos de Covid-19 informados pelo Estado nesta quarta-feira

Vítimas são de Lajeado, Roca Sales, Putinga, Bom Retiro, Encantado, Arvorezinha, Taquari e sério


0
Foto: Reprodução / Shutterstock

A Secretaria de Saúde do Estado (SES) do Rio Grande do Sul informou nove óbitos e 676 novos casos de Covid-19 entre moradores do Vale do Taquari nesta quarta-feira (24). As mortes informadas pelo Estado foram de moradores de Lajeado, uma mulher de 73 anos, Putinga, um homem de 73 e uma mulher de 76 anos, Roca Sales, um homem de 45 anos, Sério, uma mulher de 80 anos, Taquari, um homem de 78 anos, Encantado, uma mulher de 81 anos, Bom Retiro do Sul, um homem de 64 anos e de Arvorezinha, um homem de 65 anos.

Tiveram novas infecções os municípios de Lajeado (185), Arroio do Meio (83), Encantado (65), Teutônia (61), Estrela (32), Canudos do Vale (26), Dois Lajeados (22), Santa Clara do Sul (21), Tabaí (18), Taquari (14), Nova Bréscia (11), Putinga (9), Cruzeiro do Sul (9), Bom Retiro do Sul (9), Coqueiro Baixo (7), Pouso Novo (5), Marques de Souza (5), Muçum (5), Paverama (4), Westfália (4), Poço das Antas (4), Sério (4), Arvorezinha (4), Anta Gorda (3), Relvado (2), Capitão (2), Colinas (2), Progresso (2), e Roca Sales (1).

Em Lajeado, conforme informações da prefeitura, divulgadas nesta quarta-feira (24), eram 12.309 casos confirmados (dos quais 250 novos), 11.728 recuperados (245 novos), 138 óbitos e 443 casos ativos.

A região chegou a um total de 33.747 casos registrados de coronavírus. Destes, 31.507 são considerados recuperados, além de 1.705 casos ativos. A taxa de letalidade é de 1,5%, com 535 óbitos, sendo que nem todos reconhecidos pelo Estado.

Leitos de UTI no Vale
O Vale do Taquari possui 88 leitos de UTI e 89 pacientes (101,1%) estavam internados ou esperando por leitos às 17h desta quarta-feira (24). Destes, eram 27 pessoas em leitos de UTI geral (30,3%), sem ligação com a Covid-19; 58 com confirmação de coronavírus (65,2%) e quatro com suspeita (4,5%).

O Hospital Bruno Born, de Lajeado, tem 51 leitos de UTI, sendo que havia 47 pacientes internados (92,1%). Dos 20 leitos de UTI Geral, 20 estavam ocupados, o que representa 42,5% da ocupação geral. Segundo o HBB, dos 27 leitos da UTI Covid disponíveis, 22 estavam ocupados (81,4%). Dos cinco leitos de UTI Covid Intermediária, para quando os pacientes não necessitam de respirador, todos estavam ocupados (100%).

O Hospital Estrela, em Estrela, dispõe de 20 leitos de UTI, sendo que havia 27 pacientes internados (135%). Eram 24 com confirmação para a doença (88,6%); três não Covid (11,1%) e nenhum com suspeita (0%) .

O Hospital de Caridade São José, de Taquari, tem 10 leitos de UTI, sendo que sete estavam ocupados (70%). Destes, seis com confirmação de coronavírus (85,7%), e um com suspeita (14,3%).

Já o Hospital Beneficente Santa Terezinha, de Encantado, tem sete leitos de UTI e tinha oito pacientes (114,2%), todos confirmados para a doença (100%).

Estado

O Rio Grande do Sul registra nesta quarta-feira (24), 249 óbitos informados pela Secretaria Estadual da Saúde. Assim, o RS chega a um total de 17.748 mortes em decorrência do coronavírus. Também foram contabilizados 8.364 novos casos, alcançando um total de 809.039. O número estimado de recuperados é de 761.706 (94%) e em acompanhamento 29.517 (4%). Dos 3.285 leitos de UTI disponíveis no Rio Grande do Sul, 3.458 (105,3%) estavam com pacientes internados às 17h desta quarta. A taxa de mortalidade é de 156,0 por 100.000 habitantes e a letalidade aparente é de 2,2 %. Além disso, o Rio Grande do Sul já tem 850.104 pessoas vacinadas com a primeira dose e 279.139, com a segunda dose. RC

Brasil

Brasil registra nesta quarta-feira, 300.000 vidas perdidas. Este é o tamanho da tragédia brasileira em um ano de pandemia da Covid-19. Tragédia que, infelizmente, está longe de terminar e dá poucos sinais de que vai melhorar.

O número foi atingido mesmo com mudança no sistema de notificação do Ministério da Saúde que causou atrasos no registros de mortes nesta quarta-feira (24). O país atinge mais uma marca assombrosa um dia depois de registrar, pela primeira vez, mais de três mil mortes em apenas 24 horas. E num momento de colapso nos hospitais, tanto públicos quanto privados. UTIs superlotadas desafiam profissionais de saúde já esgotados.

om dados novos de 10 estados (AL, BA, GO, MG, MS, MT, PR, RN, SP e TO) desde a véspera, o país soma agora 300.015 óbitos. Casos confirmados de Covid-19 são 12.183.338. Na atualização anterior, nesta terça-feira (23), o país havia registrado mais de 3 mil mortes por Covid em um dia pela primeira vez. Foram 3.158 mortes pela doença nas últimas 24 horas, totalizando 298.843 óbitos desde o início da pandemia. Fonte: G1

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui