Repórter da Globo cai no choro ao cobrir tragédia em Taguaí

"A gente acaba se emocionando", disse o repórter, que caiu no choro.


0
Foto: Reprodução

Além da homenagem, Esdras entrou ao vivo para informar sobre a morte da 42ª vítima do acidente. “Juliano Paulo Luiz não resistiu aos ferimentos e teve morte encefálica. Ele será velado hoje e o enterro deve acontecer às 13h”, iniciou o repórter.

“Conversei com algumas pessoas aqui Rodrigo… e o clima é difícil, as pessoas comparam até a tragédia da Chapecoense… é muito difícil ter o que falar, a gente acaba se emocionando”, disse o repórter, que caiu no choro.

Ao notar a emoção de Esdras, Rodrigo Bocardi, comandante do “Bom dia SP”, assumiu a cobertura. “Realmente, é um momento difícil. O que a gente deseja é força para todo mundo”.

Fonte: Gente.ig

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui