Rota Vale dos Túneis e Viadutos

Trajeto inclui atrativos de Muçum, Encantado, Vespasiano Corrêa e Nova Bréscia


0
Ponte rodoferroviária de Muçum entre os atrativos da rota (Foto: Alício de Assunção)

Um destino cheio de emoções em meio a paisagens deslumbrantes, construções fantásticas na Ferrovia do Trigo e um atendimento familiar e hospitaleiro esperam pelos turistas na Rota Vale dos Túneis e Viadutos.

A rota é integrada por atrativos como a Igreja Matriz e Memorial Santo Sudário em Encantado, onde você encontra uma réplica do pano de linho que envolveu o corpo de Cristo; Ponte rodoferroviária Brochado da Rocha em Muçum, sobre o Rio Taquari, com 289 metros de extensão; Monumento ao Churrasqueiro em Nova Bréscia, uma homenagem aos moradores que se estabeleceram pelo mundo com churrascarias e o Viaduto 13 na Ferrovia do Trigo em Vespasiano Corrêa, com 143 metros de altura e 509 metros de extensão, considerado o maior das Américas. Essa é a rota que leva o turismo a percorrer trajetos para contemplar e vivenciar. A Rota Vale dos Túneis e Viadutos espera por você aqui no Vale do Taquari.


ouça a reportagem


Ponte rodoferroviária de Muçum entre os atrativos da rota

Nono país em atrativos culturais, o Brasil está repleto de patrimônios das artes que envolvem música, arquitetura, literatura, história e artesanato. É integrado por regiões que encantam pelo seu ritmo, como é o caso do Nordeste com o tradicional Forró.

Pois o forró deve virar em breve Patrimônio Cultural do Brasil, já que o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), autarquia vinculada ao Ministério do Turismo, iniciou recentemente o processo para o registro do bem “Matrizes Tradicionais do Forró”.

Para o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, a inclusão desse ritmo no rol do Iphan é mais do que justo, já que ele movimenta milhões de turistas por ano para o Nordeste e traz uma grande carga de história e de expressões culturais desse povo.

Uma das maiores expressões artísticas do mundo, o São João, tem como base o Forró. É um ritmo que emprega milhares de nordestinos, movimenta a economia da região e que alegra milhões de brasileiros.

Texto: Alício de Assunção
turismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui