RS reduz para quatro meses intervalo para dose de reforço das vacinas contra a covid

Segundo o órgão, a vacina a ser utilizada deve ser, preferencialmente, a da Pfizer


0
Foto: Geovana Albuquerque / Agência Saúde DF

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) autorizou, nesta segunda-feira (20), a redução do intervalo de cinco para quatro meses na aplicação da dose de reforço da vacina contra o coronavírus na população acima de 18 anos. A decisão vale para toda a população que já completou o esquema vacinal com duas doses. A decisão foi pactuada pelos integrantes da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) e segue norma técnica do Ministério da Saúde.

Segundo o órgão, a vacina a ser utilizada deve ser, preferencialmente, a da Pfizer. Para quem recebeu a dose única da Janssen, o reforço deve ser feito depois de dois meses, com a mesma vacina. A aplicação foi antecipada para fortalecer a resposta imune da população diante do avanço da variante ômicron do coronavírus.

A aplicação da quarta dose para imunocomprometidos, indicada pelo Ministério da Saúde na Nota Técnica, deverá ser analisada na próxima reunião da CIB.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui