Secretaria da Saúde reforça que professores e idosos devem se vacinar contra a gripe no RS

Nesta quarta-feira (19), este índice estava em 20,2%, de acordo com o vacinômetro da gripe


0
Foto: Divulgação

A Secretaria da Saúde (SES) reforça a necessidade dos grupos prioritários da Campanha de Vacinação contra a Influenza irem aos postos de saúde receberem a dose do imunizante, especialmente os idosos. A cobertura da campanha ainda está longe de alcançar a meta de 90% da população-alvo. Nesta quarta-feira (19), este índice estava em 20,2%, de acordo com o vacinômetro da gripe. Os idosos são os que menos se vacinaram até o momento no Rio Grande do Sul, com taxa de 19,9% do total da faixa-etária.

“Quem pode se vacinar contra a gripe não deve perder a oportunidade. Temos a vacina disponível gratuitamente nos postos de saúde”, ressalta a diretora do Departamento de Atenção Primária e Políticas de Saúde, Ana Costa. “A influenza é uma doença que também mata, assim como a Covid-19, e pode gerar confusão de diagnóstico, devido aos sintomas parecidos das duas doenças.”

Nesta fase da campanha, podem se vacinar idosos (pessoas acima de 60 anos), professores, crianças entre 6 meses e menores de 6 anos, gestantes, puérperas (mulheres que deram à luz há até 45 dias), trabalhadores da saúde e povos indígenas.

Fonte: Governo do RS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui