Sem votação de projetos, RGE seguiu sendo pauta na tribuna em Estrela

Três matérias deram entrada na Casa e foram baixadas para análise das comissões internas do legislativo, sendo deferidas na sessão dessa segunda (18).


0
Foto: Júlio César Lenhard

A Câmara de Vereadores de Estrela realizou a sua terceira sessão ordinária de 2021 nesta segunda-feira (18), no plenário Bento Rodrigues da Rosa. Não houve projeto em votação. Por outro lado, três matérias deram entrada na Casa e foram baixadas para análise das comissões internas do Legislativo. Na sessão, foram deferidas.

Da vereadora Tiane Ruschel Cagliari (PV), texto que cria a Semana de Adoção, Proteção e Bem-Estar dos Animais no município de Estrela. A vereadora falou na tribuna sobre o projeto de sua autoria. “Esse projeto tem como objetivo promover as ações realizadas pelas ONG’s e protetores independentes de animais vítimas de maus-tratos e também divulgar a causa animal”, destacou.

Do Executivo, dois textos tramitam na Câmara. Ambas as matérias pedem aval do Legislativo para contratação de professores. Parte dos edis, se manifestou sobre o tema e se mostraram favoráveis ao projeto de contratação na área educacional. A sessão contou com a presença da secretária de Educação de Estrela, Elis Mendes.

RGE segue sendo alvo de críticas

Marcio Mallmann (PP) retornou a criticar os serviços prestados pela RGE. Cristiano Nogueira da Rosa (MDB) complementou que, quanto à RGE, irá solicitar ao presidente da Câmara para que seja enviado um ofício ao Ministério Público. “É protocolo em cima de protocolo e nada acontece. O MP precisa ser movimentado para agir e analisar o contrato.”

Tiago Lehnen ressaltou a necessidade de buscar encontros presenciais coma empresa e o Ministério Público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui