Semana começa com alertas meteorológicos para o Rio Grande do Sul

Chuva volumosa, ventos fortes e frio intenso marcam os próximos dias dos gaúchos.


0
Foto: Reuters

O sol aparece com nuvens em parte do Rio Grande do Sul nesta segunda-feira, principalmente de manhã, uma vez que a nebulosidade aumenta em todas as regiões no decorrer do período. A previsão aponta que a chuva alcança todas as áreas do Estado até o fim do dia com risco de chuva localmente forte e temporais de granizo isolado.

Fez frio ainda no começo do dia com nevoeiro e geada em pontos isolados, e a temperatura não se eleva muito antes da chuva. As mínimas rondaram os 2ºC em Santana do Livramento e 1ºC em São José dos Ausentes. As máximas, por sua vez, não passam de 16ºC em Bagé e 17ºC em Santa Cruz do Sul. Em Lajeado, os termômetros variam entre 6ºC e 16ºC.

Semana de alertas

A MetSul Meteorologia possui vários alertas para a semana. O primeiro é de chuva forte e risco de temporais entre segunda (29) e terça-feira (30). Um centro de baixa pressão vai formar nuvens carregadas com chuva forte e potencial de temporais isolados.
Os volumes serão elevados em parte do Estado, sobretudo na Metade Norte, perto ou acima de 100 mm em diversas cidades. Em Lajeado, de acordo com o Núcleo de Informações Hidrometeorológicas da Univates o volume de chuva previsto gira em torno dos 40 mm.

O segundo alerta é de vento. A baixa pressão irá dar origem a um ciclone extratropical junto à costa gaúcha entre terça (30) e quarta-feira (01). À medida que se forma vai induzir vento Norte quente e seco, de forte a intenso e com rajadas perto e acima de 100 km/h no Sul e no Leste, o que deve trazer danos e falta de luz.

Já o terceiro alerta é de ressaca. A grande proximidade do ciclone da costa e o vento intenso vão trazer ressaca do mar que pode ser significativa. O Sul, todo o litoral, a Lagoa dos Patos e seu entorno, e a área de Porto Alegre serão os mais atingidos pelo vento intenso.

O quarto alerta é de frio. O mês de julho começa com sensação térmica muito baixa. A segunda metade da semana será muito fria com mínimas negativas e geada em grande número dos municípios.

Fonte: MetSul + NIH Univates

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui