Semanas de alerta máximo para presídios e abrigos de vulneráveis

Semana passada mostrou que, de modo impactante, a Covid-19 atingiu o Presídio Estadual de Lajeado.


0
Promotor de Justiça Carlos Augusto Fiorioli (Foto: Arquivo / Grupo Independente)

De fato, o inverno apresentou sua realidade: alta umidade e temperaturas baixas, não raro com chuvas. Além de todas dificuldades já conhecidas, soma-se a situação das contínuas faltas sociais quanto à necessidade de compreender e manter o distanciamento social. A semana que passou e o final de semana mostraram que, de modo impactante, a Covid-19 atingiu a maior casa prisional do Vale do Taquari, o Presídio Estadual de Lajeado.


ouça o comentário

 


No Brasil, são mais de 700 mil presos e a terceira população carcerária do planeta. Por aqui, a vigilância epidemiológica e a administração penitenciária fazem todos os esforços técnicos para conter e tratar o surto ocorrente. A preocupação, por óbvio, é a preservação da vida e o não alastramento do vírus. Para isso, medidas duras e de rigor foram tomadas como suspensão de visitas, movimentações, isolamento de celas, uso de máscaras, limpezas dos ambientes e muitas outras atitudes preventivas.

Porém, o sucesso na preservação de vidas só virá da aceitação pela maioria de que vivemos uma situação gravíssima que nossa rede te saúde não tem sustentação se houver uma demanda fora da capacidade, que não é alta.

Nesse passo, outras casas, além dos presídios, nos preocupa, como as Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs), mais de 10 na Comarca de Lajeado. Também nelas, os esforços de contenção e restrições têm sido rigorosos. Por fim, somente atitudes de isolamento e distanciamento de áreas de vulnerabilidade podem trazer sucesso e preservar a vida. Se assim não ocorrer, com certeza, nesse ambiente de inverno com condições climáticas adversas, teremos graves problemas na rede hospitalar e retornaremos à bandeira vermelha com severas restrições de mobilidade urbana e econômicas.

Carlos Augusto Fiorioli, promotor de Justiça, membro do Ministério Público em Lajeado

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui