Sesi oferece serviço voltado ao Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional

Legislação exige que empresas informem dados sobre a saúde do trabalhador através do eSocial


0
Foto: Divulgação

O Panorama desta terça-feira (2) recebeu o médico Eduardo Hoffmann Miranda e a enfermeira do trabalho Aline Mendes Romualdo para tratar sobre os serviços voltados ao Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), ferramenta que atua na prevenção de doenças e de problemas relacionados ao trabalho.

Médico Eduardo Hoffmann Miranda (Foto: Arquivo pessoal / Divulgação)

De acordo com Miranda, o PCMSO é um documento legal exigido a todas as empresas que contratam trabalhadores pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e expõem os mesmos à perigos. Tais riscos podem ser físicos (ruído, vibração, umidade, calor), químicos (substâncias químicas, na forma de poeira, gases, vapores), biológicos (vírus, bactérias, fungos), ergonômetros (postura inadequada, movimentos repetitivos, levantamento de peso) ou acidentes (queda, manuseio de máquinas, armazenamento de produtos).

Neste sentido, Miranda afirma que os “trabalhadores expostos a riscos precisam ser monitorizados para evitar o surgimento e o agravamento de doenças relacionadas aos riscos do trabalho” e esse procedimento se dá através do PCMSO.

O Serviço Social da Indústria (Sesi) oferece uma equipe multidisciplinar, envolvendo profissionais da saúde e da segurança do trabalho, que faz o levantamento e classifica os riscos existentes nas empresas. A partir dessa identificação é feita a definição dos parâmetros e das variáveis dos exames que serão aplicados aos trabalhadores, a fim de verificar a aptidão ou não do indivíduo na função para a qual foi contratado. Conforme Miranda, é nesse contexto que entram os exames ocupacionais: de admissão, de retorno à função, de mudança de risco ocupacional e demissional.

Enfermeira do trabalho Aline Mendes Romualdo (Foto: Arquivo pessoal / Reprodução)

Aline atua especificamente no acompanhamento da saúde do trabalhador, definindo quais exames serão feitos, a frequência de aplicação e o gerenciamento dos mesmos. A enfermeira ressalta que deve haver um cuidando para que os prazos sejam cumpridos e os dados sejam lançados corretamente no eSocial.

Aline explica que o Sesi tem o foco na indústria, mas atende a todas as empresas e ressalta que o telefone da instituição está à disposição para esclarecimento de dúvidas e demais orientações: (51) 3710-6110.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui