STJD aceita liminar e Grêmio jogará sem torcida em casa e fora

Clube não terá presença de torcida visitante até o julgamento do caso de invasão de torcedores na Arena


0
Foto: Lucas Uebel / Grêmio

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Otávio Noronha, aceitou o pedido de liminar da Procuradoria para que o Grêmio mande seus jogos com portões fechados e não tenha torcida nos jogos como visitante.

A decisão vale até o julgamento do caso sobre a invasão dos torcedores ao gramado da Arena no último domingo, após a derrota para o Palmeiras, ainda sem data marcada. O departamento jurídico do clube está analisando a decisão.

Para o jogo desta quarta-feira contra o Atlético-MG, no Mineirão, a decisão do STJD não tem nenhum efeito prático, já que a Prefeitura de Belo Horizonte ainda não liberou a participação de torcida visitante no estádios da cidade. Mas, ao menos que liminar seja revertida, o Grêmio não poderá ter torcida visitante no Gre-Nal do próximo sábado, no Beira-Rio.

O departamento jurídico do Grêmio já trabalha em sua defesa no STJD e também na apuração dos responsáveis pela invasão. Até o início da noite de terça-feira, o clube identificou 22 torcedores envolvidos no episódio. Os nomes foram repassados às autoridades pelo clube.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui