Suíça e Noruega têm os melhores Índices de Desenvolvimento Humano do mundo; Somália e Sudão do Sul, os piores

O Brasil caiu duas posições em relação aos dados do ano passado para o 89º lugar, em lista de 193 países


1
Foto: Divulgação

A Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou nessa quarta-feira (13) o ranking de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos países do mundo. Os dados são referentes ainda ao ano de 2022.

O Brasil obteve um IDH de 0,760 em 2022 e caiu duas posições no ranking, ocupando a posição 89 da lista, que tem 193 países. O IDH mede dados como os de expectativa de vida, renda e escolaridade da população a partir de um índice que vai de 0 a 1 – quanto mais perto de 1, melhor.

Entre os 10 primeiros colocados da lista estão: Suíça, Noruega, Islândia, Hong Kong, Dinamarca, Suécia, Alemanha, Irlanda, Singapura e Austrália. Já os 10 países com pior IDH são Somália, Sudão do Sul, República Centro-Africana, Níger, Chade, Mali, Burundi, Iêmen, Burquina Faso e Serra Leoa.

Segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), que elabora o ranking anual, no mundo inteiro o IDH avançou, mas de forma de desigual. A partir dos dados dos 193 países, o PNUD diz ter observado que a recuperação dos anos da pandemia tem sido um processo “parcial, incompleto e desigual”.

Fonte: G1

1 comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui