Supermercado reabre após morte e protestos em Porto Alegre

Polícia Civil deve concluir o inquérito sobre a morte de Freitas até a próxima sexta-feira.


0
João Alberto Silveira Freitas (Foto: Reprodução)

O Supermercado Carrefour, local onde João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, foi espancado e morto na última quinta-feira (19), reabriu na manhã desta segunda-feira (23) na zona Norte de Porto Alegre. O estabelecimento estava fechado desde a sexta passada, em respeito à vítima das agressões.

A Polícia Civil deve concluir o inquérito sobre a morte de Freitas até a próxima sexta-feira, segundo informações da delegada Roberta Bertoldo, responsável pelo caso. Ela enfatizou que até o momento a linha de investigação apura o crime de homicídio doloso, quando há intenção de matar.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui