Técnicos pedem fim de intervalo entre doses da gripe e da covid

Grupo do Ministério da Saúde pretende eliminar o prazo de 14 dias para aumentar a adesão vacinal. Pasta acatará sugestão


0

Para aumentar a adesão à Campanha Nacional de Imunização contra Gripe, técnicos do Ministério da Saúde querem eliminar o intervalo de duas semanas entre aplicações das vacinas contra a gripe e a covid-19, possibilitando que ambas as doses possam ser recebidas no mesmo dia por quem procurar os postos médicos.

A pasta acatará a recomendação e a expectativa é que uma nota técnica saia nos próximos dias, oficializando a alteração. “A Câmara Câmara Técnica Assessora de Imunização covid-19 (Cetai) apresentou um estudo mostrando que não há problema em lançar mão dessa estratégia [de intervalo entre as diferentes imunizações]”, afirmou o ministro-substituto da Saúde, Rodrigo Cruz, nesta segunda-feira (27).

O objetivo, segundo Cruz, é “aproveitar que o cidadão que ja está no posto para tomar a segunda dose da (vacina contra a) covid receba também a da gripe”, aumentado, assim, a adesão. A recomendação valerá para todas as faixas etárias do público incluído nas campanhas.

Fonte: R7


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui