Teutônia lança projeto pioneiro de arborização

Iniciativa prevê o plantio de 147 mudas de árvores em oito trechos de vias urbanas.


0
Lançamento do projeto Arboriza Teutônia contou com o plantio de árvores (Foto:Édson Luís Schaeffer / Divulgação)

A Prefeitura de Teutônia, juntamente com entidades parceiras, lançou na tarde desta quinta-feira (12) um projeto pioneiro de arborização urbana: o Arboriza Teutônia. Iniciativa prevê, na etapa inicial, o plantio de 147 mudas de árvores em oito trechos de vias urbanas, sendo que as espécies (10 previstas inicialmente) variam conforme as restrições e possibilidades de cada rua.

O ato de lançamento do projeto ocorreu no saguão da prefeitura e reuniu representantes das entidades e órgãos parceiros da iniciativa, como Associação Pró-Desenvolvimento de Languiru (APDL), Comitê de Governança – Eixo Desenvolvimento e Infraestrutura, Certel, CIC Teutônia, além de outras que estão demonstrando interesse na parceria.

Para o prefeito, Jonatan Brönstrup, a parceria com diversas entidades e órgãos é extrema importância para que o projeto seja executado. “Uma iniciativa pioneira, que se refletirá na qualidade de vida da nossa população e tornará a nossa cidade ainda mais bonita. E tudo isso fica quando se tem parcerias, todos pensando no bem comum”, frisou.

Durante o ato de lançamento, foram apresentados detalhes do projeto, de como será a sua sistemática e os passos futuros. A ideia inicial era de que as primeiras 40 mudas de árvores fossem plantadas ainda nesta quarta-feira, mas, em função da chuva, somente houve o plantio de algumas nas proximidades do Centro Administrativo, simbolizando o início oficial do projeto. Até o dia 21 de setembro, Dia da Árvore, a ideia é realizar o plantio das 147 mudas previstas na etapa inicial.

O projeto Arboriza Teutônia

A apresentação do Projeto Arboriza Teutônia foi feita pela subsecretária de Agricultura e Meio Ambiente, Nara Regina Nichterwitz, e pelo coordenador do projeto e vice-presidente da Associação Pró-Desenvolvimento de Languiru, Rudimar Landmeier. A partir da iniciativa da Prefeitura de Teutônia, Associação Pro-Desenvolvimento de Languiru, Certel, CIC e Comitê de Governança, através de seus representantes, iniciaram-se as discussões e estudos de viabilidade que resultaram na criação do projeto. “O projeto nasceu da vontade de criar espaços urbanos de maior qualidade e conforto ambiental para seus moradores, através do plantio de árvores em ruas e pontos específicos”, frisou Landmeier.

Árvores receberão plaquinhas com QR Code, com informações sobre a espécie e o projeto (Foto:Édson Luís Schaeffer / Divulgação)

Inicialmente foram feitas reuniões que definiram um Comitê de Arborização, formado por uma equipe técnica responsável por fazer todo o levantamento topográfico dos possíveis locais para o plantio inicial, definir espécies de árvores compatíveis com cada local, verificando tamanho de calçadas, rede de água e esgoto, fiação elétrica, entradas de veículos, placas de sinalização, fachadas, entre outros pontos determinantes.

Após a definição dos locais aptos a receber o plantio de árvores, iniciou-se o processo de definir espaçamentos entre mudas, para que essas cresçam de forma saudável e não comprometam a livre circulação de pedestres e veículos, além da definição das espécies mais adequadas a cada local. AI / GH

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui