Todos os adultos nos EUA poderão receber vacina contra Covid-19 a partir de 1º de maio, prevê presidente Biden

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 8h.


0
Foto: AP Photo/Andrew Harnik

Todos os adultos dos Estados Unidos devem receber a primeira dose de uma vacina contra a Covid-19 até o dia 1º de maio, prevê o presidente Joe Biden. Em seu primeiro pronunciamento em rede nacional e em horário nobre, o presidente anunciou medidas para acelerar vacinação, esperando que muitos americanos possam comemorar Dia da Independência já reunidos. Discurso marca um ano de pandemia que matou mais de 530 mil nos EUA, país mais afetado no mundo. O presidente americano também assinou o pacote de estímulo de US$ 1,9 trilhão à economia. O plano do democrata é o terceiro aprovado pelo país desde o início da pandemia. Ao todo, já foram gastos US$ 5 trilhões em programas de ajuda econômica, valor equivalente a cerca de 25% do PIB americano. O primeiro plano de resgate da gestão Biden dará uma ajuda imediata aos americanos. As pessoas que ganham menos de US$ 75 mil por ano e os casais casados com renda de até US$ 150 mil por ano receberão em breve cheques de US$ 1,4 mil por pessoa. Fonte: G1

Máscaras ineficazes contra o coronavírus não serão permitidas em aeroportos, decide Anvisa

Diante da circulação de novas variantes mais agressivas do coronavírus, a diretoria colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o endurecimento da regra que define quais máscaras devem ser usadas nos aeroportos e aeronaves durante a pandemia. As mudanças começam a valer em 25 de março. Máscaras de acrílico ou com válvulas estão proibidas. Fonte: G1

Consórcio Nordeste apresentará proposta para compra de 39 milhões de doses da vacina Sputnik, diz governador da Paraíba

O governador da Paraíba, João Azêvedo, anunciou que o Consórcio Nordeste assinará nesta sexta o contrato com o governo da Rússia para comprar 39,6 milhões de doses da vacina Sputnik V. O imunizante já está sendo aplicado em outros países, mas ainda não obteve a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Fonte: G1

Rio suspende a vacinação contra a Covid-19 por falta de doses; calendário é paralisado

No Rio de Janeiro, o prefeito Eduardo Paes anunciou que o município suspendeu por falta de doses a vacinação para sexta e sábado, quando seriam imunizadas pessoas com mais de 75 anos. Paes acrescentou que as segundas doses de grupos anteriores seguem sendo aplicadas. Fonte: G1

Câmara aprova em 2º turno PEC que viabiliza retomada do auxílio emergencial

Por 366 votos a favor e 127 contra, a Câmara dos Deputados aprovou, em segundo turno, a proposta de emenda à Constituição (PEC) que viabiliza a retomada do auxílio emergencial. A chamada PEC Emergencial prevê mecanismos fiscais para evitar o descontrole dos gastos públicos, e ainda retira a despesa com o benefício da regra do teto de gastos. O presidente Jair Bolsonaro considerou a aprovação da PEC uma ‘vitória’, mesmo com mudanças no texto. Fonte: G1

Vale tem 13 mortes e 322 novos casos de coronavírus nesta quinta-feira atribuídos pelo Estado

A Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul registrou 13 óbitos e 322 novos casos de Covid-19 para municípios do Vale do Taquari nesta quinta-feira (11). As vítimas são de Westfália, uma mulher de 32 anos, de Lajeado, quatro homens de 76, 72, 65 e 67 anos. De Encantado, duas mulheres de 79 e 83 anos, e um homem de 47 anos, Nova Bréscia, uma mulher de 87 anos, Teutônia, um homem de 52 anos, Travesseiro, um homem 64 anos, e Westfália, uma mulher de 32 anos. A região chegou a um total de 29.345 casos registrados de coronavírus. Destes, 26.064 (8,8%) são considerados recuperados, além de 2.877 (9,8%) casos ativos. A taxa de letalidade é de 1,4%, com 404 óbitos. Às 18h desta quinta (11), o Vale do Taquari tinha 18.327 pessoas vacinadas contra o coronavírus, segundo a Secretaria da Saúde do Estado Rio Grande do Sul. Como a população da região é de 366 mil habitantes, calcula-se que cerca de 4,9% dos moradores já receberam a primeira dose do imunizante. CS

Governo do RS compra e loca equipamentos para abrir mais 183 leitos de UTI nos próximos 15 dias

O governo do Rio Grande do Sul anunciou, nesta quinta-feira, a compra e locação de equipamentos que serão enviados a hospitais e pronto atendimentos de diversos municípios do Estado. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), a abertura de 183 leitos adultos de terapia intensiva, para pacientes com Covid-19, deve ocorrer nos próximos 15 dias. A Secretaria irá contar ainda com dez respiradores doados pela empresa JBS e mais 50 anunciados pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira. Rio Grande do Sul está operando com capacidade de acima de 100% desde o início de março. Nesta quinta-feira, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) aponta que a taxa de ocupação de leitos em UT em geral está em 106,5% com 3.288 pacientes em 3.088 leitos de UTI. Fonte: Correio do Povo

Produção e apresentação: Júlio César Lenhard.
Próxima edição: hoje ao meio dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui