A tosse não é uma doença, mas um sintoma e deve ser investigado

Desde um simples resfriado ou alergia até uma tuberculose, insuficiência cardíaca.


0
Foto: Divulgação

A tosse nunca é normal. Tossir é uma reação do organismo que deve ser investigada. Ela tem diversas causas e somente um médico pode chegar a um diagnóstico preciso. A tosse tem características que distinguem suas causas. Existe a tosse seca, a tosse produtiva (com secreção), a tosse ocasional e a tosse constante.

No Brasil é comum as pessoas classificarem qualquer tosse como gripe. A gripe não é tão inocente quanto se imagina. Rita Medeiros, infectologista do Hospital Barros Barreto, alerta: “As pessoas acham que a gripe é uma doença boba, mas não é.

A gripe é uma doença séria, que pode evoluir para doenças respiratórias mais severas e levar à morte. Como poucos sabem disso, a gripe acaba não recebendo muita atenção”,observa.

Saiba mais sobre o que pode estar escondido por trás da tosse:

Alergia – a tosse alérgica incomoda, coça a garganta e no início é seca. Podendo ocorrer com rinite (inflamação na mucosa nasal).

Engasgo – a tosse é uma reação para desobstruir as vias aéreas.

Refluxo laringo-faríngeo – é uma tosse é crônica com pigarro e sensação de comichão na garganta.

Sinusite – a inflamação dos sinus (seios da face) que produz tosse com catarro. Geralmente há obstrução nasal e dor na face. Pode apresentar febre se for bacteriana.

Bronquite e/ou Asma – é um quadro grave que necessita de atendimento médico de emergência. O paciente boceja, lacrimeja e tem tosse seca. Caso não sejam tratadas podem produzir catarro e causar infecções por bactérias.

Pneumonia – doença grave que pode levar à morte se não for tratada. A tosse é produtiva e pode ser acompanhada de febre, palidez, indisposição, cansaço e falta de ar.

Tuberculose – é uma doença pulmonar grave. A tosse persiste por várias semanas, é produtiva e o catarro pode ter raias de sangue. Piora à noite e ocorre febre no final da tarde.

DPOC – Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica –  doença típica do fumante. Apresenta tosse constante com pigarro e catarro amarelado.

Insuficiência cardíaca do ventrículo esquerdo – complicação cardíaca na qual o coração não consegue bombear sangue suficiente de acordo com as demandas metabólicas.

Câncer de pulmão – a neoplasia causada principalmente pelo tabagismo e inalação de agentes poluentes e carcinogênicos, como o amianto, radônio, arsênio, poeira em excesso e poluição do ar. Os sintomas iniciais podem ser confundidos com qualquer outra doença das vias respiratórias: Tosse, falta de ar, sibilo (chiado) nos pulmões, sangue no escarro e dor no peito.

Alerta

Aos primeiros episódios de tosse, fique atento ao tipo, se seca, produtiva, em acessos (durando muito tempo e sem controle), se vem acompanhada de falta de ar e ou lacrimejamento excessivo.

Se há dor no peito, se ocorre próximo a algum tipo de substância ou em determinados ambientes. Também se deve observar quando ocorre a tosse, se à noite ou durante o dia. Se há incômodo, dor ou persistência, procure o médico.

Fonte: Família

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui