Ucrânia vai abrir nove rotas de fuga; Kremlin diz que negociações continuam

Corredores são projetados para permitir o transporte seguro de ajuda humanitária para as cidades e a saída segura para os moradores


0
Foto: Serviço de imprensa do Estado Ucraniano/Divulgação

Enquanto os ataques da Rússia prosseguem na Ucrânia, nove novas rotas para a retirada de civis devem ser abertas nesta quinta-feira (17), incluindo a cidade de Mariupol, no sudeste, uma das mais devastadas pela guerra.

Os corredores são projetados para permitir o transporte seguro de ajuda humanitária para as cidades e a saída segura para os moradores. Nos últimos dias, um número crescente de veículos particulares conseguiu sair de Mariupol, embora não exista um corredor formal. Um comboio humanitário destinado à cidade está preso em Berdiansk, cerca de 80 quilômetros a oeste, há dias.

Iryna Vereshchuk, a ministra ucraniana responsável, disse que outros corredores foram acordados na região de Kiev, incluindo de Borodianka a Zhytomyr e da vila de Shevchenkove a Brovary.

Também nesta quinta-feira, o Kremlin informou que as negociações entre russos e ucranianos continuam em busca de um possível acordo de paz, embora sem nenhum avanço. O Kremlin disse ainda que “muitas pessoas na Rússia estão se mostrando traidores”, e que estavam se demitindo de seus empregos para deixar o país.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui