Um dia após entrar em operação, poço do Bairro Imigrantes, em Estrela, é alvo de furto e vandalismo

Construção do espaço era uma demanda antiga da população em decorrência da falta de água no local.


1
Entre os atos realizados no final de semana, foram furtadas as portas da construção (Foto: Gabriela Hautrive)

Após muitas cobranças de moradores do Bairro Imigrantes, em Estrela, para instalação de um poço artesiano no local, visando solucionar o problema em decorrência da falta de água, a estrutura entrou em operação na última quinta-feira ( 19), cerca de 24h depois, na sexta-feira (20) foi alvo de vandalismo e no dia seguinte, no sábado (21), teve itens furtados. Foram levadas duas portas e a bomba dosadora de água. A construção está localizada no final da Rua Alfredo A. Schwingel, pois o bairro apresentava problemas no abastecimento e a perfuração do poço, cuja vazão, conforme estudos feitos pela prefeitura, é de 40 mil litros por hora, visa beneficiar principalmente a parte alta, evitando interrupções no fornecimento.


ouça a reportagem 

 


 

Conforme Gutier Pacheco Pereira, que representa os moradores do bairro, a situação revolta a comunidade que tanto lutou pela construção do poço artesiano. “É complicado, lutamos tanto para resolver um problema de vários anos e agora estamos passando por isso logo depois que o poço começou a funcionar, não deu nem 24h e foi furtado, depois não deu 48h e foi furtado de novo”. Até a manhã desta segunda-feira os moradores não haviam registrado falta no abastecimento de água, mas temem que o problema ocorra nos próximos dias e meses, como natal e ano novo. “Se isso acontecer o pessoal já está sabendo o motivo”, relata Pereira.

Além das aberturas, também foi danificada a bomba dosadora de água (Foto: Gabriela Hautrive)

O gerente da Corsan de Estrela, Alexandre Scheid, informa que não há uma data exata para que os materiais sejam recolocados e o poço volte a funcionar, mas a empresa já trabalha para resolver a demanda. “Vamos providenciar novas aberturas e o novo equipamento de bomba dosadora do equipamento e então voltar a operar com esse poço que vai nos dar uma grande ajuda no consumo de água por parte da população de Estrela”, ressalta.

As portas que foram furtadas, conforme o gerente, são mais complicadas de conseguirem. “Temos que solicitar verba e aprovação para poder contratar alguém para fazer, pois não temos esse serviço, a parte das bombas dosadoras é um pouco mais tranquilo porque é material que a Corsan já possui”. A Corsan iniciou a perfuração do poço artesiano em janeiro deste ano. Em agosto o local foi alvo de furto pela primeira vez, sendo que a fiação foi levada naquela oportunidade.

A construção está localizada no final da Rua Alfredo A. Schwingel, pois o Bairro Imigrantes apresentava problemas no abastecimento de água (Foto: Gabriela Hautrive)

Texto: Gabriela Hautrive
producao@independente.com.br

2 Comentários

  1. Talvez deixar uma semana sem água…..sem água, não abastecer com água de outros reservatórios…..SEM ÁGUA!!

    • Seu comentário está aguardando moderação

      Marco, tu acha que foi nos moradores?
      Venha conhecer um pouco da história da falta de água deste bairro, são 12 anos de luta.
      Natal e Ano Novo de 2019 ficamos sem água, talvez seu bairro não tenha este problema pois é área nobre de Estrela e não como o nosso bairro aonde a maioria nem caixa da água se quer tem em sua residência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui