Um em cada três jovens britânicos não conhece os Beatles, aponta pesquisa

Mesmo assim, a banda dos garotos de Liverpool apresenta o melhor desempenho entre a geração Z – à frente de Queen, David Bowie e Pink Floyd, por exemplo


1

Uma pesquisa realizada no Reino Unido apontou que praticamente um em cada três jovens britânicos não conhecem o trabalho dos Beatles.

O levantamento – realizado pela empresa Censuswide a pedido da fabricante e vendedora de rádios Roberts Radio – aplicou um questionário a 2 mil entrevistados no Reino Unido.

Os pesquisadores fizeram um recorte para mostrar quanto os entrevistados da “Geração Z“, com idade de 16 a 23 anos, conhecem as “estrelas mais velhas da música”, em comparação aos entrevistados da chamada “Geração Silenciosa”, cuja idade é superior a 74 anos.

Os números mostraram que “68,97% da Geração Z estavam familiarizados com o trabalho dos Beatles”. Isso representa que, aproximadamente, um a cada três jovens britânicos desconhece as músicas da banda.

De toda forma, os “garotos de Liverpool” ainda apresentam o melhor desempenho na faixa etária dos jovens, se comparados a outros artistas mais antigos.

Grandes artistas do Reino Unido, como Queen, David Bowie e Pink Floyd, por exemplo, receberam resposta positiva de 66,81%, 53,88% e 51,72%, dos jovens da Geração Z, respectivamente.

A artista mais desconhecida para essa faixa etária foi Aretha Franklin, com mais de 60% dos jovens desconhecendo a ícone da música negra. Logo atrás estavam U2 e The Supremes.

“Quando perguntamos se as pessoas acham músicas ou artistas antigos chatos, a Gen Z foi a geração que mais concordou que sim, com quase 34% [das respostas]”, afirmam os realizadores da pesquisa.

Os pesquisadores também apontam que os homens estão mais propensos a achar música antiga chata, com cerca de 21% em comparação às mulheres, com aproximadamente 11%.

“Mais de um terço da Geração Z nos disse que não ouviria uma música se fosse lançada antes de eles nascerem. Essa é uma biblioteca inteira de clássicos lançados antes de 2000 que a geração mais jovem pode estar perdendo”, acrescentam.

A pesquisa ainda aponta que artistas como The Beach Boys e The Supremes têm quedas expressivas de popularidade de uma geração para outra. “Se cada geração continuar a perder a familiaridade com esses trabalhos nessa média, pode haver um cenário nas próximas três gerações em que elas não terão fãs jovens”, apontam os pesquisadores.

Por ainda apresentar números sólidos, a pesquisa acredita que os Beatles e Elvis Presley, por outro lado, devem manter uma base de fãs jovens sólida ao menos nos próximos 10 anos.

Fonte: CNN

 


1 comentário

  1. No Brasil essa juventude só conhece sertanejo de merda e funk…. Ninguém escuta mais Gilberto Gil, Caetano Veloso e outros artistas de respeito…a gente não sabe nem escolher presidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui