UTIs de hospital de guerra em Cabul estão lotadas, diz médico de ONG

Coordenador da unidade de saúde ressalta que só estão recebendo pacientes em condições "muito críticas" por conta da lotação


0

As UTIs do Hospital Cirúrgico para Feridos de Guerra, em Cabul, no Afeganistão, ficaram lotadas nos últimos três dias, segundo informou nesta terça-feira (17) Alberto Zanin, coordenador médico da unidade, gerida pela ONG italiana Emergency.

“Neste momento, só estamos admitindo pacientes em condições muito críticas, em verdadeiro estado de choque e com feridas potencialmente mortais”, admitiu o médico. Zanin revelou que o hospital, atualmente, conta com 99 pacientes, tendo apenas 14 leitos livres. Desde domingo, segundo o coordenador médico, foram 175 internações.

De acordo com as informações do coordenador da unidade de saúde, nove pessoas chegaram já mortas, todas com ferimentos causados por balas. Quatro delas, estavam no aeroporto de Cabul, tentando fugir do Afeganistão. De acordo com a Unicef Italia, neste momento, 400 mil pessoas, a metade, menores de idade, tentam deixar o país, que teve o controle tomado pelos talibãs.

Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui