Vacinação contra a pólio atinge 81% do público-alvo no Rio Grande do Sul, mas fica abaixo da meta

O dado, divulgado nesta quarta-feira (25), mostra que o índice ficou abaixo da meta de imunização de 95% do público-alvo


0
Foto: Anselmo Cunha/PMPA

Balanço sobre a Campanha de Vacinação contra a Poliomielite, encerrada no sábado passado, mostra que o Rio Grande do Sul alcançou cobertura vacinal de 81,2%. O dado, divulgado nesta quarta-feira (25), mostra que o índice ficou abaixo da meta de imunização de 95% do público-alvo. Conforme a chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica do Cevs (Centro Estadual de Vigilância em Saúde), Tani Ranieri, o percentual pode ser considerado mediano. “Infelizmente, poucos Estados atingiram a meta.

Nós sabemos das dificuldades, principalmente neste momento de retorno da circulação do coronavírus”, ponderou. Tani disse acreditar que isso tenha contribuído para que pais ou responsáveis não tenham levado as crianças para se vacinarem. As doses extras contra a pólio seguem disponíveis nos postos de saúde e casas de vacinas até 30 de novembro. Já as doses de rotina podem ser aplicadas durante qualquer época do ano. “É fundamental todas as crianças e adolescentes manterem a caderneta de vacinação em dia”, reforça.

Fonte: O Sul

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui