Vacinação contra Covid-19: nossa largada está bem atrapalhada

Há quem defenda a máxima de que o final da prova é mais importante que a largada.


0
Foto: Agência Brasil

Nossa esperança
Há quem defenda a máxima de que o final da prova é mais importante que a largada. No caso da vacina contra a Covid-19, nossa largada está bem atrapalhada. Pelo menos temos um plano, um dia e um horário para começar, porém com muitas dúvidas ainda. Mas vamos começar a vacinar a população e não será um ato obrigatório. Até a reta final, muitos obstáculos teremos pela frente. Que na chegada, o resultado seja de vitória.


Planejamento
Com exceção de Lajeado, que já anunciou o planejamento de como irá aplicar a vacina, os demais municípios do Vale parecerem ainda receosos e a espera de orientação. Só que falta agora chegar a vacina e todo mundo bater “biela” e não saber como agir. O Governo do Estado, que há tempo diz ter um plano viável de aplicação ainda não repassou orientações para as coordenadorias de saúde. E estas, por sua vez, às prefeituras.


Será?
Perguntar não ofende: será que não seria mais prudente vacinar primeiro a população economicamente ativa e que precisa sair de casa diariamente para trabalhar?


Em Brasília
O Prefeito de Imigrante Germano Stevens foi no início desta semana à Brasília para tratar de diversos assuntos e encaminhar projetos para obter recursos ao município. Foi o primeiro prefeito do Vale a visitar a capital federal. A viagem foi custeada pelo próprio prefeito. No Ministério da Agricultura, em reunião com o Secretário de Política Agrícola (foto) encaminhou a solicitação de R$ 1 milhão para a recuperação de estradas vicinais.


Curtas:
** Clima de insegurança toma conta de alguns cargos de confiança que foram afastados e que ainda não foram chamados para assumir no segundo governo do prefeito Marcelo Caumo. A ideia é de que alguns nem retornem, dando espaço para gente nova e com pensamentos diferentes. Mas a pressão é grande. Até quando o prefeito irá resistir não sabemos.
** Ex-vice-prefeita de Pouso Novo, Liane Nardino assume a coordenação do Centro de Referência e Assistência Social – CRAS de Marques de Souza.
** O Brasil em crise de saúde e os deputados e senadores gastando nosso dinheiro para a campanha de escolha de seus presidentes. É não ter o que fazer mesmo.
** Não importa a origem da vacina, desde que o destino seja o Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui