Vale do Taquari cria 355 empregos formais em abril e tem pior saldo de 2022 até o momento

Com um saldo de 179, o setor de serviços lidera nas contratações


0
Foto: Agência Brasil

O Vale do Taquari abriu 355 vagas formais de trabalho em abril. Este é o pior resultado no ano até aqui, sendo 46,4% inferior ao registrado no mês de março, quando a região teve 588 empregos gerados.

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta segunda-feira (6), a região teve 4.892 admissões e 4.577 desligamentos. Em comparação ao mês de março do ano passado, momento em que o Brasil era afetado diretamente pela pandemia da covid-19, o número de vagas geradas cresceu 166,9%, pois na oportunidade, o Vale fechou o mês com um saldo negativo de 118.

Com um saldo de 179, o setor de serviços lidera nas contratações. Foram 1.393 admissões para 1.220 desligamentos. Na sequência aparecem os setores de comércio e construção, com 52 cada, indústria, com 33 e agropecuária, com 5 fecham a lista dos setores.

Por município

O município com maior saldo positivo foi Lajeado, que fechou março com 156 empregos gerados. Na sequência aparecem Encantado, com 51, Poço das Antas, com 26 e Tabai, com 19. Os municípios com os piores saldos foram Westfália, com um saldo negativo de -37, Taquari, -34 e Fazenda Vilanova, -13.

Texto: Vinicius Mallmann
regional@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui