Vale do Taquari tem seis novos registros de morte por Covid-19 na manhã desta terça

Uma das vítimas é mãe da professora que também faleceu de Covid-19 no último dia 21 de fevereiro. Foram três óbitos no HBB e três no Hospital Estrela.


1
Foto: Ilustrativa

O Vale do Taquari teve mais seis óbitos por Covid-19 informados na manhã desta terça-feira (2). O Hospital Estrela divulgou três mortes. Uma das vítimas, moradora de Estrela de 58 anos, é Loreci Facione, mãe de Cátia, monitora de educação infantil que tinha 34 anos e que também faleceu por conta do coronavírus no último dia 21 de fevereiro. Loreci era hipertensa e diabética, estava internada desde 14 de fevereiro e faleceu na tarde desta segunda (1º).

As outras vítimas são um homem de 69 anos, morador de Imigrante, hipertenso e portador de Insuficiência Cardíaca Congestiva (ICC), que estava internado desde o dia 20 de fevereiro, faleceu nesta madrugada; e uma mulher de 32 anos, moradora de Boqueirão do Leão, que internou na última madrugada de desta terça (2) e faleceu horas depois. Ela era hipertensa e portadora de asma.

Outras três mortes por coronavírus foram informadas nesta terça-feira pelo Hospital Bruno Born. Trata-se de uma mulher 37 anos, de Arroio do Meio, que estava internada desde o dia 25 de fevereiro e tinha leucemia linfoblástica aguda; um homem de 60 anos, de Lajeado que estava internado desde o dia 21 de fevereiro e tinha cirrose hepática e insuficiência renal; e um homem de 51 anos de Lajeado, que estava internado desde 22 de fevereiro, faleceu às 9h07 desta terça e não tinha registro de comorbidades.

Agora o Hospital Estrela chega a 58 mortes por coronavírus e o HBB, 72 . Nenhum dos seis óbitos foi reconhecido pela Secretaria Estadual da Saúde até o momento. O Vale do Taquari totaliza 316 mortes por coronavíus.

316 mortes no Vale

Agora o Vale do Taquari soma 316 mortes em decorrência do novo coronavírus, sete ainda não reconhecidas pelo Estado.

O município com maior número de óbitos pela doença é Lajeado, com 81 (três ainda não reconhecidos); seguido de Taquari (39), Teutônia (28), Estrela (27, dois ainda não reconhecidos), Encantado (23), Arroio do Meio (13, um deles ainda não reconhecido), Arvorezinha (11), Bom Retiro do Sul (10), Muçum (nove), Paverama (nove), Roca Sales (oito), Cruzeiro do Sul (sete), Vespasiano Corrêa (cinco), Fazenda Vilanova (quatro), Travesseiro (quatro), Sério (quatro), Tabaí (quatro), Pouso Novo (três), Putinga (três), Santa Clara do Sul (três), Marques de Souza (três), Progresso (dois), Relvado (dois), Imigrante (três, um deles ainda não reconhecido), Capitão (dois), Forquetinha (um), Canudos do Vale (um), Ilópolis (um), Anta Gorda (um), Colinas (um) e Nova Bréscia (um).

A taxa de letalidade é de 1,2% em relação aos casos reconhecidos pelo Estado.

Texto: Ricardo Sander
ricardosander@independente.com.br

1 comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui