Vendas do comércio têm crescimento de 1,6% em maio

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 18h


1
Foto: Agência Brasil / Divulgação

As vendas no comércio tiveram alta de 1,6% no mês de maio em comparação ao mês anterior. O setor de materiais de construção voltou a ser destaque, com elevação de 4,8%. Os dados, nacionais, são do Indicador de Atividade do Comércio da Serasa Experian e foram divulgados hoje (11). De acordo com a pesquisa, todos os segmentos cresceram em maio, na comparação com o mês anterior, exceto o de combustíveis e lubrificantes, que teve a maior baixa do ano (6,8%). Supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas cresceram 1,7%; móveis, eletrodomésticos, eletroeletrônicos e informática, 3,2%; veículos, motos e peças, 2,8%; e tecidos, vestuários, calçados e acessórios, 3,5%. “As restrições de funcionamento impostas aos comércios físicos nos meses de março e abril foram amenizadas a partir do início de maio, sendo assim, a presença mais ativa dessas empresas possibilitou um maior nível de consumo e uma leve aceleração das vendas”, destacou o economista da Serasa Experian Luiz Rabi. Fonte: Agência Brasil

RS registra 133 óbitos e 5.867 novos casos da Covid nesta sexta-feira

O Rio Grande do Sul registra 133 óbitos e 5.867 novos casos de Covid-19 conforme a Secretaria Estadual de Saúde nesta sexta-feira (11). Agora o estado chega a um total de 1.142.645 casos confirmados de Covid-19. Desses, 1.090.370 estão recuperados (95,4%); 22.708 (1,9%) casos ativos e 29.484 pessoas morreram em decorrência do coronavírus (2,5%). Às 17h desta sexta-feira (11), 87,9% dos leitos de UTI do estado estavam ocupados. Eram 3.030 pacientes para 3.449 leitos disponíveis.

Bolsonaro volta a defender desobrigação de máscara para vacinados, mas diz que decisão será de governadores

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender nesta sexta-feira (11) a desobrigação do uso de máscaras para vacinados e recuperados da Covid, mas disse que a decisão final será de governadores e prefeitos. “Eu não apito nada”, ironizou. Bolsonaro já havia informado na quinta (10) que pediu ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, um parecer para liberar vacinados e recuperados da Covid de usar máscaras. A ideia foi prontamente rebatida por especialistas, que alertam que mesmo quem foi vacinado ou teve a doença pode transmitir o vírus para outras pessoas. Além disso, quem já teve Covid pode ter de novo, e quem foi vacinado pode ter a doença de forma mais leve. Nesta sexta, ao voltar a desencorajar o uso de máscaras por vacinados e recuperados, Bolsonaro voltou a dizer que a responsabilidade é de estados e municípios. Ele falou a veículos de imprensa na porta do Palácio da Alvorada. Fonte: G1

Ministro diz que 160 milhões serão vacinados até dezembro no Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse hoje (11), em São Paulo, que 160 milhões de brasileiros serão vacinados contra a covid-19 até o final deste ano. “Vamos nos empenhar fortemente para acelerar a nossa campanha de vacinação, já distribuímos mais de 105 milhões de doses para estados e municípios e mais de 70 milhões de doses de vacinas já foram aplicadas, já temos uma cobertura de duas doses de mais de 15% da população brasileira e, em junho, teremos ao menos 40 milhões de doses de vacinas. Fonte: Agência Brasil

Novo Cabrais aplicará multa de até R$ 3 mil por descumprimento de regras contra Covid, diz prefeitura

Novo Cabrais, município de 4,1 mil habitantes, na Região Central do Rio Grande do Sul, passa a aplicar multas a quem descumprir as normas restritivas contra o coronavírus a partir desta sexta-feira (11). De acordo com a prefeitura, o valor das sanções pode chegar a até R$ 3 mil em casos gravíssimos. A multa mínima individual, destinada a quem participar de aglomerações, como festas particulares, é de R$ 150. Infrações leves custarão de R$ 500 a R$ 700. Casos graves serão multados de R$ 750 a R$ 1,5 mil. Já a multas de infrações gravíssimas serão aplicadas contra estabelecimentos ou pessoas que já foram notificados, mas que seguem descumprindo os protocolos. Nesses casos, o valor vai de R$ 1,5 mil até R$ 3 mil. O decreto pode ser consultado na página da prefeitura. Fonte: G1

Petrobras reduz em 2% preço da gasolina nas refinarias

A Petrobras reduzirá o preço médio da gasolina nas refinarias em cerca de 2%, ou R$ 0,05 por litro, para R$ 2,53 por litro a partir de sábado, informou a assessoria de imprensa da petroleira nesta sexta-feira (11). O preço médio do diesel, por sua vez, não sofrerá alterações. O impacto de mudanças nos preços dos combustíveis feitas pela Petrobras nas refinarias sobre os consumidores finais, nos postos, não é imediato e depende de uma série de questões, como impostos, margens de distribuidores e revendedores, além da adição de biocombustíveis. Fonte: CNN Brasil

Lajeado exigirá carteirinha de vacinação contra Covid para que população acesse determinados ambientes

A Prefeitura de Lajeado já se prepara para começar a solicitar comprovação de vacinação contra a Covid-19 para frequentar atividades com aglomeração de pessoas. Os detalhes das atividades, o grau de exigência e a forma de aplicação da medida ainda estão em análise pela administração municipal. AI/VM

Lajeado exigirá carteirinha de vacinação contra

A Prefeitura de Lajeado já se prepara para começar a solicitar comprovação de vacinação contra a Covid-19 para frequentar atividades com aglomeração de pessoas. (ÁUDIO), Os detalhes das atividades, o grau de exigência e a forma de aplicação da medida ainda estão em análise pela administração municipal. AI/VM

Brasil volta a fazer parte do Conselho de Segurança da ONU após 11 anos

O Brasil voltará a ocupar um assento não permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas no biênio 2022-2023, após 11 anos. Será a 11ª vez que o país vai integrar o colegiado (a última foi no biênio 2010-2011). O Brasil recebeu 181 votos na eleição que ocorreu nesta sexta-feira (11) em Nova York, durante a 75ª Assembleia Geral da ONU. Albânia, Emirados Árabes Unidos, Gabão e Gana também foram eleitos. O Conselho de Segurança é formado 15 países com direito a voto. Mas apenas Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, China e Rússia são membros permanentes e têm poder de veto. Fonte: G1

Anvisa autoriza Pfizer para crianças e adolescentes de 12 a 15 anos

A Anvisa autorizou, nesta sexta-feira (11), o uso da vacina anticovid da Pfizer para crianças e adolescente de 12 a 15 anos. O imunizante, que já estava liberado para pessoas acima de 16 anos, foi o primeiro a obter registro definitivo, o que permite vacinação em massa e comercialização com o setor privado, e já está sendo aplicado no país em duas doses, com o intervalo de 3 meses. A bula da Pfizer passará a indicar a nova faixa etária para o Brasil. Fonte: Agência Brasil

STF nega ações de suspensão e Copa América no Brasil está confirmada

O Supremo Tribunal Federal rejeitou nesta quinta-feira (10) as ações que pediam a suspensão da Copa América. Com isso, ficou confirmada a realização do evento a partir do próximo domingo (13) em quatro sedes (Rio de Janeiro, Goiás, Mato Grosso e Distrito Federal). Fonte: G1

Produção e apresentação: Rita de Cássia

 

1 comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui