Venezuela usa navios que adulteram radar para fornecer petróleo a Cuba

Operados por terceiros, os navios da frota obscura geralmente não têm seguro ocidental e enviam sinais falsos de localização para disfarçar seu movimento


0
Foto: Planet Labs PBC/Divulgação

A petroleira estatal venezuelana PDVSA começou a usar navios-tanque que adulteram dados de radar para abastecer sua aliada política mais próxima, Cuba, à medida que a frota de navios estatais que historicamente cobria a rota diminui. A informações surge a partir de documentos e serviços de monitoramento de navios.

Cuba e Venezuela, usaram por mais de uma década exclusivamente seus próprios navios-tanque para navegar entre os dois países. A manutenção atrasada das embarcações, no entanto, tirou alguns navios de serviço, e o surgimento do México como um novo fornecedor para Cuba, fez com que os dois países renovassem as rotas para levar petróleo bruto e combustível necessários para a ilha.

Uma grande parte das frotas de navios-tanque de propriedade da Venezuela e de Cuba está sob sanções dos Estados Unidos, o que também limita suas viagens. Operados por terceiros, os navios da frota obscura geralmente não têm seguro ocidental e enviam sinais falsos de localização para disfarçar seu movimento.

A PDVSA e os ministérios das Relações Exteriores da Venezuela e de Cuba não forneceram comentários. A ajuda secreta ocorre em um momento em que a demanda por eletricidade produzida por usinas movidas a petróleo aumenta durante os sufocantes verões cubanos.

Fonte: CNN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui