Veterinária explica como higienizar animais de estimação para evitar coronavírus; saiba como

Não existe a transmissão entre animais e humanos, diretamente. Mas os pets podem “carregar” o vírus para dentro de casa, nos pelos e nas patinhas.


0
Foto: Arquivo pessoal / Divulgação

A médica veterinária Daniela Markus Götze, sócia-proprietária do Centro Clínico Veterinário de Teutônia, deu orientações sobre cuidados com os pets em meio ao isolamento social em função da pandemia de coronavírus. “Não existe nada comprovado em artigos científicos até hoje dizendo que pode ocorrer a transmissão entre humanos e animais”, afirma.


ouça a entrevista

 


Conforme ele ela, a família de coronavírus é estudada desde a década de 1960. São dezenas de espécies que podem infectar animais silvestres, de criação e de estimação. São diferentes da Covid-19, o nome da doença causada pelo novo coronavírus. “Acontece que cada animal tem o seu próprio coronavírus”, diz ela. “O coronavírus canino provoca doenças gastrointéricas nos cachorrinhos, e nos gatos promove a Peritonite Infecciosa Felina (PIF)”, explica.

O animal de estimação pode trazer o vírus para dentro de casa, por meio de suas patinhas e pelos. “Por isso o isolamento social não é só para humanos. É para os pets também, para evitar que eles carreguem o vírus para dentro de casa”, orienta. A indicação é que os passeios sejam curtos, breves, e higienizar o animal na volta.

Como fazer? O ideal é que se pegue um pano limpo ou papel toalha e passe álcool 70 no pelo, com cuidado para não deixar ter contato com olhos, nariz e boca.

Para evitar que o animal fique entediado em casa, Daniela diz que é preciso buscar distraí-los. A veterinária fala que eles sentem o clima e a energia do ambiente. “O stress, a tensão está a todo vapor nesse momento. E aí a gente tem que cuidar dos nossos bichinhos, porque eles sentem tudo. Sentem se a gente está feliz, se a gente está triste ou ansioso”.



O momento é de investir?

Neste sábado (4), o programa Papos de Mulher conta com a participação especial de André Damiani. Ele é um dos sócios da DNW Empreendimentos.

O empresário faz uma análise do cenário econômico e responde se agora é o momento de investir. Ouça!

 


Ministra Damares anuncia app para denunciar violência doméstica

com Daniel Bortolini

Foto: Divulgação

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos disponibiliza, neste sábado (4), um aplicativo para smartphones que vai permitir às mulheres vítimas de violência doméstica denunciar as agressões. O anúncio foi feito na última quinta-feira (02), pela chefe da pasta, ministra Damares Alves.


ouça a matéria

 


Segundo ela, a ferramenta foi elaborada devido ao crescimento do número de denúncias recebidas pela Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, por meio do telefone 180, de casos de violência doméstica após o início das quarentenas obrigatórias estabelecidas por alguns estados como medida de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Na primeira quinzena de março, a ouvidoria registrou média diária de 3.045 ligações e 829 denúncias. Na segunda parte do mês, foram contabilizadas 3.303 ligações e 978 denúncias.

No Rio de Janeiro, explicou Damares, é possível registrar pela internet um boletim de ocorrência de violência doméstica, o que pode ter contribuído para a alta de 50%. Em outros estados, continuou a ministra, como a Polícia Civil não oferece essa opção, fica mais difícil a notificação de agressões. No entanto, a partir do aplicativo, ela espera que mais mulheres consigam denunciar os episódios de violência.

A ferramenta estará disponível para os sistemas operacionais Android e iOS. Outros tipos de violação de direitos, como violência contra a criança, exploração sexual, violência contra a pessoa com deficiência, contra povos tradicionais e contra comunidades LGBTI também poderão ser denunciados no aplicativo.

Fonte: Correio Braziliense


Na Cozinha: Bolinho de Chuva

Ingredientes

  • 2 ovos
  • 1 xícara de açúcar
  • 1 xícara de chá de leite
  • 2 1/2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 3 colheres de sopa de açúcar (para finalizar)
  • 1 colher de sopa de canela (para finalizar)

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes até ficar uma massa mole e homogênea. Em uma panela já com o óleo bem quente, com uma colher, vá colocando as bolinhas de bolinho. Quando dourarem, retire-as.

Importante: polvilhar com canela e açúcar dá um toque especial no bolinho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui