Em Porto Alegre, Lula diz que vai conversar com governadores sobre renegociação de dívidas

Demanda é um dos pedidos de Eduardo Leite e de outros chefes de Estado


0
Governador destacou que a questão da dívida seria a sua principal pauta de conversa com o presidente (Foto: Arquivo/Secom-RS)

O presidente Lula disse no início da tarde desta sexta-feira (15), na Fiergs, que o governo federal “vai sentar com os governadores” para tratar da renegociação dos contratos das dívidas dos estados com a União. A garantia foi dada ao final do discurso de Lula na solenidade de anúncio de investimentos do Novo PAC, realizada na Fiergs. Lula fez uma manifestação de 35 minutos e lembrou gaúchos como Getúlio Vargas e Leonel Brizola.

Dirigindo-se diretamente ao governador Eduardo Leite, Lula disse que o governo federal está determinado a negociar os termos dos contratos. Ele lembrou que o ex-governador Jair Soares já apontava o problema. Citou ainda Pedro Simon, Olívio Dutra e Tarso Genro. “O Simon queria que eu pagasse uma conta da época do Getúlio. O Tarso falava da dívida, o Olívio falava, você fala. Então, alguma coisa tá errada.”

O presidente assinalou que uma nova renegociação ” não será nenhum favor.” Ele emendou ainda que é uma obrigação do governo federal “sentar e encontrar uma solução.” As garantias do presidente acontecem após o governador Eduardo Leite passar os últimos meses insistindo na necessidade de alteração nos termos do contrato assinado dentro do Regime de Recuperação Fiscal (RRF).

Na véspera da chegada de Lula ao RS Leite havia destacado que a questão da dívida seria a sua principal pauta de conversa com o presidente. Ele vai tratar do tema no almoço reservado que ocorre neste início da tarde na Fiergs. E deu início a abordagem da questão ainda durante o trajeto do presidente entre o aeroporto e a federação, pela manhã.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui