Ouça os gols na narração de Rudimar Piccinini.


Depois de garantir a classificação para as semifinais do Campeonato Gaúcho, no último sábado, o Grêmio virou a chave e fez sua estreia na Arena, pela Copa Libertadores Bridgestone deste ano. Enfrentou o Deportes Iquique e venceu pelo placar de 3 a 2.

A primeira etapa até que iniciou equilibrada. O Iquique veio com uma proposta de se lançar ao ataque, mas o Tricolor logo se impôs e imprimiu o seu ritmo na partida e não deu chances para os adversários. Aos 16 minutos, Luan abriu o marcador com um gol de cobertura. Aos 23′ o camisa 7 ampliou, estufando as redes. Miller Bolaños fechou o marcador no primeiro tempo, com gol de pênalti.

Já na etapa complementar, o Grêmio diminuiu seu ritmo. Os chilenos descontaram com Riquero aos 15′ e Dávila, aos 22′, encostando no marcador. Renato providenciou as substituições: Michel, Fernandinho e Lucas Barrios, ocuparam os lugares de Léo Moura, Maicon e Miller Bolaños, respectivamente. O placar ficou nos 3 a 2.

Com a vitória, o Grêmio segue líder do grupo 8, com 6 pontos.

Escalação: Marcelo Grohe, Edilson, Rafael Thyere, Kannemann, Marcelo Oliveira, Maicon, Ramiro, Léo Moura, Bolaños, Pedro Rocha, Luan.

Banco: Leo, Bressan, Bruno Cortez, Michel, Gastón Fernández, Fernandinho e Lucas Barrios.

A arbitragem uruguaia foi comandada por Esteban Ostojich, auxiliado por Maurício Espinosa e Miguel A. Nievas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui