Mesmo com subsídio da prefeitura, passagem de ônibus terá aumento de R$ 0,25 para o usuário em Lajeado

Projeto foi protocolado na Câmara de Vereadores nesta terça-feira (28). A contribuição da prefeitura é de R$ 1,10 por passagem. O usuário pagará R$ 5,75, mas sem o subsídio pagaria R$ 6,85


2
Empresa Expresso Azul é quem administra o transporte público de Lajeado (Foto: Gabriela Hautrive / Arquivo Rádio Independente)

Foi protocolado na Câmara de Vereadores de Lajeado nesta terça-feira (27) o projeto de lei que prevê conceder subsídio orçamentário extraordinário à tarifa do transporte coletivo urbano municipal pelo prazo de até 12 meses, como medida de mitigação dos impactos do aumento dos insumos e para preservação da prestação de serviço e equilíbrio econômico-financeiro dos contratos de concessão ou permissão.

O subsídio será de R$ 1,10 por passagem, ficando limitado ao valor total de R$ 1.605.841,60. O valor do subsídio será pago diretamente à concessionária até o último dia útil do mês subsequente à prestação do serviço. Com o subsídio, o usuário do transporte público pagará R$ 5,75 por passagem, caso não tivesse a contribuição da prefeitura, pagaria R$ 6,85. Ou seja, terá um acréscimo de R$ 0,25 para o usuário, passando dos atuais R$ 5,50 para R$ 5,75.

Atualmente o valor do subsídio dado pela prefeitura é de R$ 1,06, e terá o acréscimo de quatro centavos. Segundo o prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, essa medida de contribuição foi adotada desde 2020 por conta da pandemia e seguirá em vigor por parte do município. O projeto diz que, além disso, a manutenção do patamar do preço do óleo diesel nos últimos meses permaneceu elevado, entre outros insumos como pneus e manutenção, o que gera pressão nos custos, sendo que o cálculo tarifário, em anexo, indica uma tarifa final em R$ 8,27, caso fosse repassado todo o valor por parte da empresa Expresso Azul que administra o serviço.

Outorga do rotativo para subsídio do transporte público

A Prefeitura de Lajeado prorrogará a concessão do estacionamento rotativo de Lajeado com a empresa Stacione Rotativo. O novo acordo atenderá as reivindicações feitas pelos vereadores quanto ao tema. Dentre elas, a vinculação da receita do município com a outorga do sistema para subsidiar a tarifa do transporte público, como medida para incentivar a utilização do sistema público de transporte.

Mas isso só será adotado na nova licitação, e não no projeto que foi protocolado na Câmara. Entre as outras exigências estão a disponibilização de totens de auto-atendimento para pagamento eletrônico (PIX ou cartões), mais modernos que os parquímetros utilizados no início da concessão e a alteração do tempo padrão debitado dos usuários do sistema de créditos antecipados para 15 minutos.

Texto: Gabriela Hautrive
[email protected]

2 Comentários

  1. Tio lajeado está empresa presta um péssimo serviço a população. Horários de sábado e dia de semana são terríveis. Não estão nem aí. Simplesmente decreta amanhã horário de sábado e voce que sai depois das 17:30. Chama um 99 para ir pra casa.A população tem pra quem reclama?

  2. Saudades da antiga empresa não tinha ar condicionado mas tinha horário de onibus. Expresso azul tio lajeado tanto faz uma porcaria o serviço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui